Eu me chamo Sérigo Hallwinter, ocupo um lugar de honra na famosa Cavalaria Griffon da grande cidade de Waterdeep



Baixar 393.05 Kb.
Página1/18
Encontro10.12.2019
Tamanho393.05 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   18

Eu me chamo Sérigo Hallwinter, ocupo um lugar de honra na famosa Cavalaria Griffon da grande cidade de Waterdeep. Também sou um agente da Aliança dos Lordes, um grupo de poderes políticos aliados preocupados com a segurança e a prosperidade mútua. Como membro desta ordem, meu dever é garantir a segurança das cidades e outros assentamentos, eliminando de forma proativa ameaças a todo custo, dessa forma trago honra e glória a meus líderes e minha terra.
Eu conheci Gundren Buscarocha em Neverwinter e concordei em acompanhá-lo até Phandalin para ajudá-lo a reabrir a antiga mina. Acredito que isso irá ajudar a restaurar Phandalin em um centro civilizado de riqueza e prosperidade.
Viajando com Gundren eu também tinha a intenção de descobrir o destino de Arno Albrek, um mago humano e companheiro Membro da Aliança dos Lordes que desapareceu logo após chegar em Phandalin. O mago viajou para a cidade a uns dois meses para estabelecer a ordem por lá. Depois que a Aliança dos Lordes não recebeu mais notícias de Arno, eu resolvi investigar...

Gundren me contou que ele e outros dois irmãos, Tharden e Nundro Buscarocha, recentemente localizaram uma entrada para uma Caverna que estava perdida a muito tempo.

Deixe-me me contar uma história para vocês... A mais de quinhentos anos atrás, clãs de Anões e Gnomos fizeram um acordo conhecido como o Pacto de Phandelver. Este pacto definiu o compartilhamento de uma rica mina localizada dentro de uma maravilhosa caverna conhecida como Caverna do Eco da Onda. Além da sua riqueza mineral, a mina continha grande poder mágico. Então, conjuradores Humanos se aliaram com os Anões e Gnomos para canalizarem e vincularem essa energia em uma grande forja, chamada de Forja das Magias, onde itens mágicos podiam ser criados. A história relata que nesta época os tempos eram bons, e que a cidade humana nas proximidades de Phandalin prosperou também.

Mas então, um desastre aconteceu quando Orcs varreram o Norte e devastaram todos em seu caminho. Uma força poderosa de Orcs reforçada por mercenários magos e malignos atacaram a Caverna do Eco da Onda para clamar as suas riquezas e tesouros mágicos. Os magos Humanos lutaram lado a lado de seus aliados Anões e Gnomos para defender a Forja das Magias, e a batalha mágica que se seguiu destruiu grande parte da caverna. Poucos sobreviveram aos desmoronamentos e tremores, e a localização da caverna do Eco da Onda Eco foi perdida, até o aparecimento dos irmãos Buscarocha...


Ouvindo os Goblin neste tempo que fiquei aprisionado, eu sei que um tal de Aranha Negra mandou dizer que o Anão era para ser trazido a ele. E eu não tenho a menor ideia o que significa esse nome...
Eu acredito que o líder dos Goblins, um Bugbear chamado Klarg, enviou o Anão e um mapa para o Rei desta tribo “Penhasco da Bocarra” em um lugar chamado Castelo “Penhasco da Bocarra”. O mapa de Gundren mostra a localização secreta da Caverna do Eco da Onda. Eu não tenho a menor ideia de onde fica esse castelo, mas talvez alguém em Phandalin possa nos ajudar.
Em Phandalin eu possuo um contato de um mago humano chamado Arno Albrek. O mago viajou para a cidade a dois meses para estabelecer a ordem lá. Depois que a Aliança dos Lordes não recebeu mais notícias de Arno, eu resolvi investigar...
Nós temos 6 quartos disponíveis para locação, são quartos modestos e se vocês tiverem interesse em passar a noite por aqui serão 5 sp por dia. Nosso cardápio de refeições se encontra no balcão ou vocês podem chama a Elza, nossa atendente, a qualquer momento. ELZAAA! Sintam-se a vontade. Com a sua licença...
Eu vim para Phandalin para prosperar! Eu não sei se vocês sabem, mas muitos visitam Phandalin até hoje para tentar vender qualquer tipo de pedra “precisosa” que encontram na região. Mas logo percebi que eu sabia muito mais sobre como gerenciar uma estalagem do que minerar as coisas. Na época em eu vim pra cá, a cidade me ofereceu uma boa oportunidade para eu atender esse pessoal que minerava.

O que tem me chateado ultimamente é saber que as autoridades ainda permitem que os “Marcas Vermelhas” aterrorizem a cidade. O “responsável” pela cidade é o Townmaster chamado Hugo Wester, e até agora ele não fez nada a respeito disso! Ahh... Desculpe pessoal... as vezes eu falo demais... Olha, não comentem sobre isso, ok? Eu não quero encrenca... Eu tenho um filho e uma esposa para cuidar...


Morte dos Rufiões

Eu andei


Eu sou nativo da cidade chamada "Javali" que fica a bem a Leste... Mas meus pais eram puros Rashemi lá do leste do Mar Interior, por isso sou baixinho, de pele escura, cabelo duro, parrudo e forte como uma tora! Ahahahahaha!
A Irmã Garaele, que supervisiona o Santuário da Sorte, recentemente deixou a cidade por alguns dias, e então retornou ferida e exausta!
Leo Dendrar, um carpinteiro local, levantou-se contra os “Marcas Vermelhas” uma semana atrás, 10 dias. Então foram até sua loja e encararam a sua esposa! No mesmo os rufiões o assassinaram na frente de várias pessosas. Ninguém fez nada... Os Mascas Vermelhas então levaram seu corpo, e agora sua esposa,

filha, e filho estão desaparecidos também!


Meu amigo Carp disse que encontrou um túnel secreto na floresta, mas os Marcas Vermelhas quase pegaram ele...!
Os Marcas Vermelhas trazem problema para qualquer negócio na cidade. O único lugar que eles não interferem é no Posto de Troca dos Mineradores. Eles não querem problemas com Hilda Thornton, a responsável por tocar o negócio...
Muito obrigado senhores! Fico contente que a mercadoria tenha chegado aqui em ótimo estado. Aqui está a quantia prometida por Gundren Buscarocha, 10 gp para cada um de vocês...
Gundren foi capturado? Nossa... que triste ouvir isso! Mas vocês tem alguma ideia de onde ele está? Vocês irão atras dele, certo? Gundren é meu amigo e ele estava tão animado com a descoberta da mina do antigo pacto... pacto de Phandelver, se eu não me engano...
A mais de quinhentos anos atrás, clãs de Anões e Gnomos fizeram um acordo conhecido como o Pacto de Phandelver. Este pacto definiu o compartilhamento de uma rica mina localizada dentro de uma maravilhosa caverna conhecida como Caverna do Eco da Onda. Além da sua riqueza mineral, a mina continha grande poder mágico. Então, conjuradores Humanos se aliaram com os Anões e Gnomos para canalizarem e vincularem essa energia em uma grande forja, chamada de Forja das Magias, onde itens mágicos podiam ser criados. A história relata que nesta época os tempos eram bons, e que a cidade humana nas proximidades de Phandalin prosperou também.

Mas então, um desastre aconteceu quando Orcs varreram o Norte e devastaram todos em seu caminho. Uma força poderosa de Orcs reforçada por mercenários magos e malignos atacaram a Caverna do Eco da Onda para clamar as suas riquezas e tesouros mágicos. Os magos Humanos lutaram lado a lado de seus aliados Anões e Gnomos para defender a Forja das Magias, e a batalha mágica que se seguiu destruiu grande parte da caverna. Poucos sobreviveram aos desmoronamentos e tremores, e a localização da caverna do Eco da Onda Eco foi perdida.


Nundro e Tharden Buscarocha, os irmãos de Gundren, estão acampados em algum lugar fora da cidade. Já tem uma semana (10 dias) que eu não os vejo. Pelo meus cálculos, eles já devem estar voltando para cá para se reabastecerem...
Bom... mais ou menos... os Marcas Vermelhas complicam a vida de todos aqui. Eles atrapalham nossos negócios e ainda desprezam a autoridade da nossa cidade!
Os Marcas Vermelhas costumam frequentar um local chamado “O Gigante Adormecido”, um boteco a lesta da cidade... Evitem aquele local se não quiserem encrenca...
Morte dos Rufiões

Não posso negar a minha satisfação ao saber dessa notícia. Será bom para os negócios e para a cidade...

Olá Senhor! Eu me chamo Anderson. Eu ajudo Osmar a descarrega e carrega os podruto...
Olá! Sou o Cardo. Se precisarem de alguma coisa, e o Osmar não estiver por aqui, é só falar comigo que eu tento ajudar vocês! Sempre às ordens!

Antes de eu me aposentar, por dezenas de anos fui um guerreiro servindo como soldado e arauto nas terras do Costa do Dragão, bem a sudeste de Faerun. Quando decidi encerrar minha carreira, voltei para esta região perto de Neverwinter, onde nasci.


Atualmente o que me preocupa aqui em Phandalin é a presença dos Marcas Vermelhas. Devo confessar que eu adoraria ver um grupo de aventureiros dando uma surra nesses caras. Já está na hora de alguém tomar uma atitude mais drástica contra o líder desses rufiões. O nome dele é “Bastão de Vidro”, foi o que eu acabei escutando um dia desses da boca imunda de um dos capangas de capa vermelha...
Vocês vão encontrar muitos Marcas Vermelhas frequentando o “Gigante Adormecido”. Mas eles possuem também um esconderijo, a Mansão Tresendar, uma ruína que fica no extremo leste, praticamente no fim da cidade.
Eu ouvi histórias de garimpeiros nas colinas a nordeste de Phandalin. Dizem que alguém está cavando naquela região que é chamada de Poço da Coruja Velha. O mais perturbador dessa história é que vários garimpeiros reportaram serem perseguidos naquela área por mortos-vivos! Se vocês puderem visitar essas ruinas para descobrir quem é que está lá e o que anda fazendo, ela fica a alguns dias de viagem daqui.
Tudo que eu sei é que essas ruínas um dia fizeram parte de uma antiga torre de vigia de um antigo império mágico conhecido como Mithral. Se alguém estiver por lá, temo este alguém esteja atrás de uma perigosa magia que talvez se encontre dormente a milhares de anos...
Eu não contei a você, mas agora que eu soube do que você é capaz, e eu acredito ser a hora de te falar isso. Eu sou um membro da Ordem da Manopla, um grupo de devotos e vigilantes que buscam proteger a todos da depredação de malfeitores. Nossa Ordem está sempre vigilante, pronta para punir o mal, aplicar a justiça e decretar castigo contra qualquer um que tentar subjugar ou machucar outro semelhante. Apesar de eu não estar mais ativo na Ordem, eu ainda posso conceder títulos a nobres como você. Se você aceitar fazer parte de nossa Ordem, eu irei te condecer o título de “Chevall” ou Cavalo. O que me diz?
Morte dos Rufiões

A notícia corre rápido por aqui... Muitos da cidade expressam clara felicidade ao saberem que os Rufiões finalmente estão pagando o seu preço.... Isso me lembra das aventuras que eu vivi...

Quem somos nós?

Como vocês podem ver pelo brasão perdurado ali na parede, esta venda de rua pertence aos Lionshilds, uma companhia da cidade de Yartar, a centenas de milhas a leste. Nós comercializamos mercadorias da mais alta qualidade tanto para Phandalin quanto para outros locais na região...


Como andam os negócios aqui?

Por causa da qualidade de nossos produtos não é incomum sermos roubados durante o transporte. Nossa última leva de mercadorias, por exemplo, nunca chegou a Phandalin, provavelmente atacada a caminho daqui.


Que tipo de mercadoria vende?

Possuímos os melhores equipamentos que pessoas como vocês podem obter. Hum.... Vocês não são uma ameaça para a cidade, são? Já bastam os Marcas Vermelhas atrapalhando os negócios por aqui... A propósito, fiquem longe desses caras e evitem irem até o Gigante Adormecido. Eles só te trarão problemas... Bom ,aqui está a lista de nossos produtos. Se vocês tiverem interesse em alguma coisa é só falarem comigo.


Aviso/Devolução da
mercadoria roubada

Nossa! Vocês encontram a mercadoria? Muito obrigado pela gentileza. Tomem aqui 50 gp pela informação/devolução. E se vocês precisarem de alguma ajuda eu tentarei auxiliar vocês da melhor forma possível!


Morte dos Rufiões

Que ótimo! Quanto menos escória nesse mundo, melhor! Agora posso trabalhar mais tranquila aqui...


Sobre o Posto de Trocas

Bom, os mineradores vão e vem trazendo o pouco que encontram nos vales e córregos da região. Aqui eles trocam os metais brutos por algumas moedas. Não existe uma verdadeira corrida por ouro. Mas o que existe é suficiente para manter algumas pessoas ocupadas e esperançosas em encontrar grandes riquezas.

Onde fica o Castelo


Penhasco da Bocarra?

Sinto muito, mas eu não sei onde fica esse Castelo. Mas o que eu sei é que eu ouvi dizerem que os Marcas Vermelhas possuem um Goblin que os servem. Talvez esta criatura saiba sobre a localização deste Castelo...


Sobre os Marcas Vermelhas

Tudo o que eu sei é esses bandidos só causam problema nesta cidade. Inclusive ou ouvi dizer que os Marcas Vermelhas possuem um criado Goblin. Talvez esta criatura tenha outras informações...


Proposta de trabalho
QUEST

Os rufiões vivem circulando ao redor daquela imundície de bar, o Gigante Adormecido. Eu sei também que eles possuem uma base embaixo da Mansão Tresendar. Se vocês eliminarem o líder deles, chamado de Bastão de Vidro, e trazer de volta pra mim qualquer tipo correspondência encontrada dentro de seus domínios, eu pagarei a vocês 100 gp. O que acham? Temos um acordo?


DC Wis (Insight)
QUEST revelada

Você percebe que Hilda possui motivos pessoais por querer o líder dos Marcas Vermelhas morto.


Após eliminação do
Líder Marcas Vermelhas

Eu sou uma agente Zhentarim, uma poderosa organização que busca poder e riqueza. Eu percebi que você poderia trazer um grande avanço em nossos interesses aqui no Norte de Faerûn. Se você aceitar se juntar a nós, irei te conceder o título de “Presa”.


Busca por abrigo

Vocês podem passar a noite no palheiro quiserem. Não há problema algum! Vocês aceitam um copo de leite? Se vocês ficarem por aqui tem um pãozinho que está sendo assado e logo logo sai!


Informações sobre as
Tomas Stonehill

Tomas Stonehill é um rapaz bem trabalhador! Nós trabalhamos juntos, eu forneço a ele alguns alimentos para que ele possa tocar a taberna. O filho dele, o Pedrinho, e o meu filho Carp, vivem brincando por aí. Mas de um tempo pra cá eu tenho proibido Carp de sair de casa sem me avisar, pois eu estou achando muito perigosa a presença dos Rufiões na cidade...


Informações sobre as
Osmar Barthen

Osmar Barthen é outro rapaz bem trabalhador! Vocês já devem ter conhecido o Posto de Trocas dele, não!? Sempre que preciso de alguma coisa que eu não produzo aqui na chácara eu vou até ele...


Informações sobre as
Davi Edermath

Davi Edermath é um rapaz bastante educado e cheio de histórias de suas antigas aventuras para contar. Carp adora ouvi-las! Mas ultimamente temos saído pouco de casa para evitar ficar trombando com os Rufiões no meio do caminho...


Informações sobre as
Luana Graywind

Luana Graywind trabalha com as mercadorias do Lionshield. Ela é uma boa moça, apesar de parecer um pouco estressada com o trabalho. Nem todos tem a sorte de conseguir fazer o que ama fazer, não é mesmo? Ainda bem que eu tenho minha chácara!


Informações sobre as
Hilda Thornton

Hilda Thornton, uma moça meio ríspida, não acham? Imagino que trabalhar todo dia com mineradores de todas as regiões exija certa dose de antipatia...


Informações sobre as
Irmã Garaele

Ah... A Irmã Garaele! O que seríamos sem ela! Uma jovem e linda Elfa , clériga na deusa da boa fortuna. Sempre que posso, passo por lá para levar pão fresquinho a ela e aproveito para louvar a Tymora em agradecimento às boas trocas e vendas de alimentos que consigo realizar aqui em Phandalin. É muito reconfortante ter Garaele por perto.


Informações sobre as
Hugo Wester

Hugo Wester... um bom rapaz. Apensar de muitos não concordarem com ele ultimamente, acredito que ele tenta ainda cuida de nossa cidade e de alguns afazeres políticos. Posso dizer que ele já teve seus dias de glória e agregou muito à vida de todos por aqui. Com a idade talvez ele tenha ficado um pouco cansado de tudo isso. Deve ser um fardo lidar com os problemas das pessoas em uma cidade. Mas enfim.... Eu sempre rezo pelo bem dele e de todos nós.


Rufiões Mortos

Por que tudo tem que ser resolvido com a violência? Não é verdade? Mas eu entendo que vocês estão fazendo um grande bem para Phandalin e eu os agradeço muito por isso. Obrigada! O que me consola dessa violência toda é saber que no final das contas a nossa Cidade talvez possa viver mais em paz agora... E que meu filho Carp poderá ter um pouco mais de liberdade...

O que é este local?

Este é o santuário da sorte. É aqui que muitos moradores de Phandalin fazem suas preces e orações para a Tymora, deusa da sorte e da boa fortuna. O santuário foi construído a bastante tempo com rochas das ruínas das redondezas, isso foi bem no início da construção da cidade. Na época muitos mineradores da região prestavam sua devoção à deusa e faziam juramentos em troca de obterem mais minérios...


Informações sobre os
moradores da cidade

Quase todos da cidade são pessoas de bem! Sempre que podem eles passam por aqui para agradecer à Tymora. Ultimamente todos estão trabalhando mais e não tem sobrado muito tempo para nos visitar. Os tempos estão mais difíceis, e certas pessoas na cidade só têm prejudicado a paz desse local...


Os Marcas Vermelhas

Eu rezo todos os dias para que essa gangue encontre o que fazer em outro local, bem longe daqui de preferência!


Ouviram falar que
voltou exausta
QUEST

Recentemente meus superiores me pediram para cuidar uma delicada missão. Eles queriam que eu tentasse persuadir uma alma penada chamada Agatha para responder uma pergunta sobre onde encontrar um raro livro de magias. Eu tentei cumprir a tarefa, mas chegando ao destino Agatha não apareceu pra mim. Foi uma viagem e tanto!


Aventureiros
perguntam mais
QUEST

Bom, vocês acham que poderiam me ajudar? Deixe me explicar melhor então... Eu acredito que Agatha não apareceu pra mim pelo fato de eu ser uma mulher... Eu acho que se um de vocês rapazes conseguirem flertar com ela, ela irá aparecer para vocês. Eu descobri que em vida Agatha era muito vaidosa. Então eu comecei a planejar uma volta para o seu lar portando este pente de prata com essas pedras preciosas... vejam como é bonito! Enfim, com este pente em mãos, e talvez uma boa flertada, acredito que Agatha irá negociar a resposta de onde se encontra este livro de magias.... Tudo o que eu posso oferecer em troca são essas 3 poções de cura que eu mantenho guardadas comigo.


Os aventureiros
aceitam a missão
QUEST

Que bom! Fico muito contente com a ajuda de vocês! O lar de Agatha fica dentro da Floresta de Neverwinter a uns dois dias de viagem seguindo a Trilha do Javali ao leste. Antes de entrarem na floresta, vocês terão que entrar nas ruínas da cidade de Conyberry e virarem para noroeste seguindo uma trilha. Depois de algumas horas, vocês irão encontrar o seu lar. “Tymora por favor abençoe esses nobres heróis em sua jornada”. Ah, e quando estiverem diante de Agatha, perguntem a ela onde se encontra o livro de magias pertencente ao lendário mago Magma Erkatur.


Conyberry



Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   18


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal