Elas que me amavam sem motivos



Baixar 23.44 Kb.
Página1/3
Encontro11.06.2020
Tamanho23.44 Kb.
#8951
  1   2   3

ELAS QUE ME AMAVAM SEM MOTIVOS

De Gabriel Tonin


PERSONAGENS

Toninho


Camila

Naty


Thaís

Doutor


Mãe (SOMBRA)
CENÁRIO: UM JARDIM DE UM HOSPITAL.

CENA 1
(TONINHO APARECE COM ROUPA DE PACIENTE, SE SENTA E ACENDE UM CIGARRO)
TONINHO

E aconteceu que de um dia pro outro tudo mudou. Você está bem, saudável, e de repente quase morre. É a vida, quando não morre realmente. O peso que a família carrega por um parente doente é meio que obrigatório, sou muito grato por todos, é bem ruim sentir o peso dessa obrigação que você joga nas costas das pessoas. Mas... essa história é sobre mulheres que não deviam ter obrigação nenhuma comigo, principalmente porque eu não sou exatamente o cara que poderia oferecer algo em troca. Eu... costumo dizer, brincando, que se anjos são reais, essas que me amaram sem motivos e esperando nada em troca são anjos de verdade, com asa e tudo. E eu descobri... que só uma mulher é capaz de fazer isso.


(AS TRÊS, THAÍS, CAMILA E NATY ENTRAM EM FOCOS SEPARADOS; ELAS CANTAM)
AS TRÊS

Mas eu não estava interessada

Em nenhuma companhia

Não existe a fantasia

Sobrenatural

Porque toda essa paixão

É coisa pura e feminina

Revolucionar o mundo

É instinto natural

Revolucionar o mundo

É instinto natural...
TONINHO

Eu nunca fui de poder retribuir o amor de uma mulher. Na verdade, eu não aprendi a retribuir amor nenhum. Muita gente me chama de ingrato, por isso, e eu tenho que concordar. Muita gente que esteve do meu lado nos dias difíceis, não teve o retorno do meu amor além de palavras digitadas no celular.


AS TRÊS

Garoto pobre e estudante

Um meninão bobinho

Bonito de natureza

E um tanto normal

Garotas chegam à noite

Pra não ficar sozinho

Não sei se é tudo de verdade

Se isso é real...
Revolucionar o mundo

É instinto natural...
TONINHO

E sem se conhecerem entre si, sem serem enfermeiras ou algo do tipo, cada uma das três fez plantão nos meus momentos longos no hospital. Hoje eu – um pouco doido depois de tanta intervenção médica de remédios e trauma – , talvez nem sei se elas eram pessoas reais. Se elas eram mulheres de verdade, ou se eram sombras de fantasmas, anjos divinos, o espírito da minha mãe... um reflexo do feminino que existe em mim. (PAUSA) Não isso não. Eu acho que eu não faria tudo isso que elas fizeram por um “conhecido”. Homem não faz. Homem nenhum faz esse tipo de coisa. Isso é coisa de mulher, de mulher de verdade... (PAUSA) Ou de deusas... que saíam de dentro da tomada, de tanto remédio na cabeça.


THAÍS

Ele está brincando com a poesia da loucura.


CAMILA

Ou a loucura da poesia.


NATY

Ou sendo um homem. Fantasiando a gente.


AS TRÊS

Nós três somos de verdade, você sabe disso.


THAÍS

A gente se conheceu na gravação do filme, lembra?


CAMILA

A gente teve o mesmo mestre, eu me formei um pouco antes de você. A gente se conheceu num bar.


NATY

Uma amiga muito querida nos apresentou. E... eu tenho que confessar uma coisa. Você não é um cara especial. Eu sou essa pessoa de... amar as pessoas, tentar amar as pessoas.


CAMILA

Eu também.


THAÍS

Eu também. Pra caralho, se você quer saber.


CAMILA

Pra caralho não, pra buceta!


THAÍS

Pra buceta!


(ELAS RIEM)
NATY

Então, Antônio, não precisava se sentir tão especial à ponto de nos escrever esse texto todo.


THAÍS

Eu acho que esse é o amor básico que a gente tem que dar pra todo mundo.


CAMILA

É mesmo. Você não é o amado diferentão não, rapaz. Você só é... um cara legal. Talvez.


NATY

É, talvez.


THAÍS

Talvez. E eu achei que valia a pena.


NATY

Eu também achei.


CAMILA

Eu também.


TONINHO

Eu tenho vergonha um pouco, porque eu não sei as razões. Talvez por ser homem eu não consigo entender os motivos. Se eu fosse rico, bonito, se eu pudesse retribuir de alguma forma – e vocês sabiam que eu era o cara que não podia retribuir muito - , eu até entenderia a preocupação, o carinho. Que eu tento dar de volta, eu tento, mas eu faço isso... com medo. (PAUSA) Sem dúvida é porque eu sou homem que eu não consigo entender, que eu não consigo responder o amor...


CAMILA

Acho isso também.


NATY

Cara, a gente não tava esperando nada em troca. Eu não tava esperando nada em troca pelo menos.


THAÍS

Eu também não.


TONINHO

É aí que tá! Quem são vocês? De onde vieram? De que planeta são?


(SILÊNCIO)
AS TRÊS



Baixar 23.44 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal