Diretor responsável


PRODUTOS QUE NÃO AMARELAM



Baixar 10 Mb.
Pdf preview
Página131/157
Encontro08.10.2019
Tamanho10 Mb.
1   ...   127   128   129   130   131   132   133   134   ...   157
PRODUTOS QUE NÃO AMARELAM

No Brasil, a Simon comercializa uma gama de 

tomadas, placas e interruptores, além de produtos 

eletrônicos, que são Sensor de Presença, Minuteria 

(dispositivo eletrônico que permite manter a ilumi-

nação acesa, por um período de tempo) e Variador 

de Luminosidade (também conhecido como dim-

mer, próprio para regular a quantidade de luz num 

ambiente). 

Para se des-

tacar no setor, 

aposta numa tec-

nologia exclusiva, 

até então não utili-

zada pelos fabricantes nacionais 

de seu segmento. A matéria-prima, que constitui 

aproximadamente 76% de um conjunto completo 

(formado por placa e interruptor) é o termoplástico 

policarbonato, que além de sua extrema qualida-

de é considerado um excelente isolante elétrico e 

térmico, com elevada resistência a impactos e ao 

envelhecimento – o conhecido amarelamento. O 

policarbonato é empregado pela Simon Holding no 

mundo todo e tornou-se o diferencial dos produtos 

da marca, pois evita a distorção de cor ocasionada 

pela exposição e tempo de uso.

Os componentes metálicos formam os outros 

24% do conjunto. São compostos basicamente por 

liga de cobre, contatos de prata e parafusos bicro-

matizados. A Simon Brasil utiliza liga de prata, um 

dos melhores condutores de energia existentes, que 

proporciona baixo aquecimento do interruptor e, 

conseqüentemente, uma economia no consumo 

de energia. 

Sem custos adicionais, todas as tomadas têm 

internamente uma trava de proteção, que é libe-

rada somente quando pressionada dos dois lados 

simultaneamente. Esse sistema antichoque tem o 

objetivo de proporcionar maior segurança e impedir 

que crianças e adultos atinjam as partes vivas das 

tomadas com seus dedos ou objetos metálicos.

design dos interruptores e tomadas – composto 

por cores, formas e texturas -, foi coordenado por 

profissionais do Brasil, que pesquisaram as peculia-

ridades e o gosto do consumidor nacional. As peças, 

no entanto, foram projetadas pelo Departamento de 

Engenharia e Projetos da Espanha, com base nas 

normas técnicas vigentes no Brasil, definidas pela 

ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) 

e no padrão de qualidade que diferenciam a marca 

em todos os seus mercados de atuação. A parceria 

permitiu criar uma linha específica para atender o 

mercado brasileiro.




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   127   128   129   130   131   132   133   134   ...   157


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal