Descomplicando a Mobilidade Urbana



Baixar 35.11 Mb.
Pdf preview
Página237/374
Encontro11.08.2021
Tamanho35.11 Mb.
1   ...   233   234   235   236   237   238   239   240   ...   374
4. CONSIDERAÇÕES FINAIS
O desafi o para o desenho e planejamento urbano pode residir em propor-
cionar espaços fl uidos e receptivos ao pedestre. A presença de pessoas cir-
culando pelos locais públicos em diferentes horas do dia, em comparação 
a quando estes se encontram vazios, notadamente alteram a sensação de 
segurança, coletividade e acolhimento, quesitos indispensáveis a uma boa 
caminhabilidade.
E experimentar a cidade pode conduzir a possibilidades diversas para 
o uso efetivo dos espaços públicos como promotores do desenvolvimento 
local, através dessa ferramenta rica que é a caminhabilidade. O índice de 
caminhabilidade é um exemplo de mecanismo de suporte ao diagnóstico 
da qualidade das calçadas em cidades brasileiras com diferentes portes e 
conformações, e com potenciais resultados.
Por fi m, resta reafi rmar que o papel dos gestores públicos é de grande 
importância para que a cidade possa contar com uma infraestrutura urba-
na adequada para a maior segurança e conforto dos pedestres. Reconhecer 
a importância da caminhabilidade constitui, assim, um passo fundamental 
para a promoção de cidades mais acessíveis, sustentáveis e agradáveis.
REFERÊNCIAS
Associação Nacional de Transportes Públicos- ANTP (2016). 


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   233   234   235   236   237   238   239   240   ...   374


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal