Curitiba-pr 2011 paraná Educação a Distância


Faz anos que nos conhecemos. Vai fazer



Baixar 1.5 Mb.
Pdf preview
Página50/102
Encontro13.07.2022
Tamanho1.5 Mb.
#24240
1   ...   46   47   48   49   50   51   52   53   ...   102
Livro Português
Faz anos que nos conhecemos.
Vai fazer dez anos que estamos casados.
Aqui faz dias maravilhosos.
14.1.12 Ser 
São oito horas da manhã. 
Tudo foram motivos para se apostar nele. 
Dez mil reais é muito dinheiro. 
criança é as alegrias do pai. 
A criança eram dois olhos bem arregalados. 
Os escolhidos fomos nós
14.1.13 Parecer 
As estrelas pareciam brilhar. 
As estrelas parecia brilharem. 
Para facilitar, você terá, a seguir, 10 regras práticas para observar; obedecendo 
a elas, sua competência vai crescer muito.
Quadro 14.1 - Regras Práticas
1. 
Localize sempre o sujeito
Dois alunos saíram. Saíram dois alunos
2. 
Sujeito composto Anteposto = SÓ PLURAL
Marido e mulher brigavam muito.
Carros e ônibus buzinavam sem parar.
3. 
Sujeito composto posposto = PLURAL OU + 
PRÓXIMO
Do cardápio constava(m) arroz e feijão
Chegou/Chegaram pai e filhos.
4. 
Verbos Impessoais = SÓ SINGULAR
 muitas nuvens no céu hoje
Faz alguns meses que não nos vemos.
5. 
Verbo + Preposição + se = SÓ SINGULAR
Precisa-se de um (dois) operário (s).
6. 
Verbo Transitivo Direto + se = SINGULAR ou 
PLURAL
Vende-se jornal. / Vendem-se jornais.
7. 
Pronomes pessoais: EU > TU > ELE
Eu e tu vamos... Tu e ela ides (ou vão)
8. 
Sujeito + ser + Predicativo = A MAIORIA DAS 
VEZES COM PREDICATIVO
Sua cama eram uns trapos.
Daqui a Maringá são 550 quilômetros.
Exc.: Joãozinho era as alegrias da avó.
Expressão Partitiva: SINGULAR ou PLURAL
A maior parte dos convidados saiu / saíram de mansi-
nho
Sujeito Coletivo = SINGULAR OU PLURAL. - se espe-
cificado ou distanciado do sujeito
O grupo parou... O grupo de jovens parou / pararam.
Resumo
Hoje abordamos a importância do uso da concordância verbal na produção 
de textos.



Aula 15 - Concordância Nominal
e-Tec Brasil
217
Aula 15 - Concordância Nominal
Nesta aula, nosso objetivo também é refletir sobre o uso adequado 
da concordância na produção de textos e compreender a sua 
importância como um dos elementos padrões da língua.
É a concordância de número (singular e plural) e gênero (masculino e feminino) 
que se estabelece entre os numerais, artigos, pronomes, substantivos e 
adjetivos relacionados.
Regra geral: Os substantivos, artigos, pronomes, adjetivos e numerais devem 
concordar em gênero e número com o substantivo a que se referem.
15.1 Concordância do adjetivo (adjunto 
adnominal) com os substantivos:

Antes  concorda com o mais próximo:
Ele tinha delicadas roupas e sapatos.

Depois  concorda com o mais próximo ou vai para o plural:
Ele tinha roupas e sapato novo/ novos.
Observe que nos dois exemplos a seguir houve obediência à regra:
Ela tinha a mão e o braço machucado/machucados.
Ela tinha olhos e cabelo preto / pretos.
15.2 Concordância do adjetivo predicativo:

Posposto  plural
O professor e a diretora são dedicados.

Anteposto  plural ou singular com o mais próximo.
São dedicados o professor e a diretora.
É dedicado o professor e a diretora.



Baixar 1.5 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   46   47   48   49   50   51   52   53   ...   102




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal