CoordenaçÃo do curso de letras nivelamento oficina de produçÃo textual professor ozanir roberti / professora sabine mendes


AULA 07 – Técnicas de Redação – Foco Dissertativo



Baixar 366.77 Kb.
Página35/45
Encontro17.03.2020
Tamanho366.77 Kb.
1   ...   31   32   33   34   35   36   37   38   ...   45
AULA 07 – Técnicas de Redação – Foco Dissertativo.

A dissertação tem sido o tipo de redação mais valorizado em concursos de vestibular e para cargos públicos, em geral.

Existem propostas de dissertação expositiva e argumentativa. Na primeira, o foco é checar o conhecimento do candidato em relação a determinado tema atual ou específico para a área em que está se candidatando, ou seja, o redator deve expor seu conhecimento acerca de determinado assunto em um número definido de linhas.

Na segunda, o foco é checar a habilidade do candidato em argumentar, ou seja, desenvolver uma opinião acerca de determinado tema atual ou específico da área em que está se candidatando. Acredita-se que esse tipo de redação revele o potencial crítico, a capacidade de construir sequências lógicas e, portanto, a capacidade de defender ideias, mediante a elaboração de argumentos convincentes.

As redações para concursos são corrigidas por bancas compostas por dois ou mais professores, a partir de uma grade de correção em que pontos são aferidos a certas características valorizadas nos textos.

O texto dissertativo argumentativo tem aparecido com maior frequência nos concursos atuais. No entanto, não obstante o foco proposto para a dissertação, há certos elementos-chave sempre avaliados, presentes na maioria dos editais consultados:



  1. Adequação ao tema proposto e ao tipo de texto solicitado;

  2. Domínio da modalidade escrita e das normas gramaticais (uso da norma culta);

  3. A coesão, revelada na organização macro-estrutural do texto, na concatenação de suas partes, na capacidade de adequar repetições e novidades, no desenvolvimento linear da dissertação, no uso apropriado de conexões e na precisão vocabular;

  4. a coerência expressa nos elementos de conhecimento de mundo partilhado, na inteligibilidade do planejamento que sustenta o texto, não apresentando elemento semântico que contradiga o conteúdo expresso ou subentendido anteriormente; a capacidade de selecionar fatos e argumentos que comprovem o ponto de vista expresso, de modo a deles extrair conclusões apropriadas.




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   31   32   33   34   35   36   37   38   ...   45


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal