Componente curricular


Planeta Raio médio da órbita (em UA)



Baixar 3.97 Mb.
Página219/438
Encontro29.10.2019
Tamanho3.97 Mb.
1   ...   215   216   217   218   219   220   221   222   ...   438
Planeta

Raio médio da órbita (em UA)

Terra

1

Saturno

10

Resposta: 6 ∙ 1026 kg

9. Henry Cavendish, ao obter o valor da constante G, pôde calcular a massa da Terra (M).

Observação: Representação fora de escala e em cores-fantasia. Fim da observação.

CRÉDITO: Luis Moura

Considere a figura, com d = R = 6.400 km; g = 10 m/s2 e G = 6,67 ∙ 10-11 (SI)

a) Encontre a expressão da massa (M) para esse cálculo.

Resposta: M = gR2/G

b) Calcule o valor de M.

Resposta: 6,141 ∙ 1024 kg

10. (UEA-AM) Existem asteroides que, em determinado trecho de suas órbitas, ficam mais próximos do Sol do que a Terra. Um desses asteroides é Apophis, cuja massa estimada é 2,8 ∙ 1015 kg. Sendo a massa da Terra 6,0 ∙ 1024 kg, a razão entre as intensidades das forças gravitacionais que o Sol exerce sobre a Terra e sobre Apophis, FT/FA, quando ambos estão à mesma distância do Sol, é aproximadamente:

a) 0,25 ∙ 10-9

b) 0,50 ∙ 10-9

c) 1,0 ∙ 105

d) 2,0 ∙ 109

e) 4,0 ∙ 109

Resposta correta: d.

11. Os centros de dois corpos de massas iguais a 441 kg e 49 kg estão separados por uma distância de 5 m. Calcule a que distância de um deles deve ser colocado um terceiro corpo, de massa igual a 2 kg, de modo que a resultante das forças gravitacionais que atuam sobre ele seja nula e de modo que os corpos fiquem alinhados.

Resposta: O terceiro corpo deve ser colocado entre os dois corpos e a 1,25 m do segundo.



210

4. Campo gravitacional

Toda massa possui um campo gravitacional no seu entorno. Quanto maior a massa, maior é a intensidade do campo em suas imediações, atraindo para junto de si outras massas. É o que acontece com os campos gravitacionais dos planetas.

Dentro do campo gravitacional gerado pela massa da Terra, os corpos são atraídos para o centro, sofrendo variações de velocidade, em virtude de estarem sob ação da força gravitacional. Essa força provoca nos corpos em queda livre uma aceleração, que é uma característica específica do planeta, diretamente relacionada à quantidade de matéria que ele possui. A essa aceleração chamamos aceleração da gravidade, indicada pela letra g.

Sejam M a massa da Terra e R o seu raio, num ponto do espaço à altitude h da superfície da Terra a força gravitacional F pela qual o corpo é atraído é o próprio peso P do corpo.

Quando o corpo está na superfície do planeta, h = 0.

gsuperfície = GM/R2

Observação: Representação fora de escala e em cores-fantasia. Fim da observação.

CRÉDITO: Editoria de Arte

As informações a seguir indicam o valor aproximado da aceleração da gravidade na superfície de alguns corpos celestes do Sistema Solar, suas massas e seus raios médios.

Tabela: equivalente textual a seguir.

Dados orbitais dos planetas (Fonte: NSSDC).


Catálogo: editoras -> liepem18 -> OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> FÍSICA%201°%20AO%20%203°%20ANO%20-%20FTD
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Cláudio Vicentino Bruno Vicentino Olhares da História Brasil e mundo
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Caminhos do homem: do imperialismo ao Brasil no século XXI, 3º ano
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Ronaldo vainfas
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Oficina de história: volume 1
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Gilberto Cotrim Bacharel e licenciado em História pela Universidade de São Paulo Mestre em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Mackenzie Professor de História e advogado Mirna Fernandes
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Geografia Espaço e identidade Levon Boligian, Andressa Alves 3 Componente curricular Geografia
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Manual do professor
FÍSICA%201°%20AO%20%203°%20ANO%20-%20FTD -> Componente curricular


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   215   216   217   218   219   220   221   222   ...   438


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal