Cláudio Vicentino Bruno Vicentino Olhares da História Brasil e mundo



Baixar 2.9 Mb.
Página540/563
Encontro08.10.2019
Tamanho2.9 Mb.
1   ...   536   537   538   539   540   541   542   543   ...   563
Articule passado e presente

9 a) A sociedade de consumo é aquela cujos membros se identificam e se relacionam com base nas mercadorias que consomem. Ela surgiu na Europa Ocidental do século XVIII. Com base em seus conhecimentos prévios, o aluno pode inferir que a causa de seu surgimento foi a Revolução Industrial e o aumento da oferta de mercadorias, que passaram a mediar as relações entre as pessoas.

b) Porque durante esse período a sociedade de consumo se difundiu pelo mundo, com a globalização.

c) As respostas podem variar. Os serviços públicos são mercantilizados quando a saúde e a educação, por exemplo, deixam de ser direitos para se tornarem serviços lucrativos. As relações sociais se mercantilizam quando o valor de pessoas e grupos é avaliado por aquilo que consomem, o que promove sua segregação ou distinção. A natureza se mercantiliza quando seus recursos são privatizados, ou quando sua destruição é compensada monetariamente (na forma de créditos de carbono, por exemplo). O tempo é mercantilizado quando se busca ocupá-lo ao máximo com atividades, de modo a não "perdê-lo"; nesse sentido, mesmo o lazer é visto como mercadoria. O corpo humano é mercantilizado quando é moldado por padrões de beleza que, para serem atingidos, exigem intervenções mediadas pelo mercado (cirurgias plásticas, cosméticos, academias de ginástica, etc.). A política é mercantilizada quando o cidadão deixa de se ver como parte de uma comunidade política e se torna um consumidor, percebendo os agentes políticos não como seus representantes, mas como prestadores de serviço (é o que se nota em frases do tipo: "nós pagamos os salários dos políticos, então eles devem nos servir").

d) Se não houver mudanças, as próximas gerações enfrentarão uma grave falta de recursos naturais, já que estes são bens finitos que têm sido superexplorados.

e) O objetivo é levar os alunos a refletir sobre seus hábitos de consumo, usando os conhecimentos históricos não só para compreender o passado, mas também para construir um futuro melhor. Consumir menos, evitar o descarte, trocar em vez de comprar, reciclar, etc. são alguns exemplos de hábitos que podem ser incentivados.


Catálogo: editoras -> liepem18 -> OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> OLHARES%20DA%20HISTÓRIA%20BRASIL%20E%20MUNDO%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SCIPIONE
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Gilberto Cotrim Bacharel e licenciado em História pela Universidade de São Paulo Mestre em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Mackenzie Professor de História e advogado Mirna Fernandes
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Geografia Espaço e identidade Levon Boligian, Andressa Alves 3 Componente curricular Geografia
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Manual do professor
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Manual do Professor História Global
OLHARES%20DA%20HISTÓRIA%20BRASIL%20E%20MUNDO%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SCIPIONE -> Olhares da História 1 Brasil e mundo Manual do Professor Cláudio Vicentino
OLHARES%20DA%20HISTÓRIA%20BRASIL%20E%20MUNDO%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SCIPIONE -> Olhares da História 2 Brasil e mundo
OLHARES%20DA%20HISTÓRIA%20BRASIL%20E%20MUNDO%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SCIPIONE -> Cláudio Vicentino Bruno Vicentino Olhares da História Brasil e mundo
OLHARES%20DA%20HISTÓRIA%20BRASIL%20E%20MUNDO%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SCIPIONE -> Olhares da História 1 Brasil e mundo Manual do Professor Cláudio Vicentino


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   536   537   538   539   540   541   542   543   ...   563


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal