Cláudio Vicentino Bruno Vicentino Olhares da História Brasil e mundo



Baixar 2.9 Mb.
Página128/563
Encontro08.10.2019
Tamanho2.9 Mb.
1   ...   124   125   126   127   128   129   130   131   ...   563
Pratique

4. O fragmento abaixo é parte de um discurso proferido por Nympha de Vimnar durante a Jornada Internacional da Mulher Operária, em 4 de abril de 1926.

Em geral a mulher operária sob o regime capitalista é duplamente sacrificada.

Ainda que trabalhe 8 horas na fábrica ou ateliê, ela em chegando à casa (geralmente desconfortável), apesar de fatigada, além das exigências do companheiro por vezes indelicado, encontrará novos afazeres não menos fatigantes que instintivamente será forçada a fazer.

[...]


A mulher na oficina, trabalhando tanto quanto o homem, sofre a injustiça capitalista de receber a metade do salário. O patrão aproveitando-se da inconsciência das operárias procura substituir os homens por elas, a fim de pagar menos, obtendo as mesmas vantagens como se fossem homens.

E a operária, na inconsciência crassa, auxilia o seu algoz, traindo lamentavelmente os seus companheiros obreiros. Não há maior inimigo da operária que o capitalista.

Fingindo desconhecer os seus esforços sobre-humanos, ele exige da mulher a prática de trabalhos fatigantes, obrigando a posições forçadas no período de gestação, concorrendo para o aniquilamento do novo rebento e acarretando graves consequências para a sua saúde e bem-estar físico. [...]

Não pomos em dúvida o efeito ocasionado pela situação econômica pouco favorável. Mas o atraso industrial, a falta de instrução e disciplina, o menosprezo do homem para levar suas companheiras às reuniões, muito têm concorrido para o retardamento do conhecimento das vantagens adquiridas pelo regime comunista. [...]

E em verdade seja permitido dizer, as nossas mulheres não sofrem somente a opressão capitalista, elas são vítimas das próprias mulheres, que, longe de coadjuvarem, ainda procuram tolher os seus ingentes esforços, esquecendo que, desse modo, vêm concorrer para o seu próprio mal, dificultando o auxílio espontâneo. [...]

Quando a natureza dota a mulher proletária com traços de rara perfeição e formosura, o capitalista, zombando mais uma vez, vem com os seus milhões comprar aquela mulher como compraria um lindo cão ou outro animal de raça. Não raras vezes ela vai para o trono capitalista e lá se torna mais déspota que o seu comprador ou senhor.

Infeliz dela, se não puder fugir à finalidade e quiser concorrer para auxiliar os seus ex-companheiros de luta. Em pouco tempo será repudiada e considerada a louca que só a ação do desquite poderia afastá-la do lar [...].

Glossário:



desquite: separação judicial na qual bens e corpos são separados, mas o laço matrimonial permanece.

Fim do glossário.

Somente nós, operárias do Brasil, é que sob uma nostalgia doentia, dormimos o sono do esquecimento enquanto denodadas companheiras russas, inglesas, francesas, italianas, alemãs, norueguesas, trabalham para os P.C. tomando parte em suas reuniões, comentando as vantagens do comunismo e gozando os seus benefícios. [...] Que esses exemplos frisantes da elevação feminina sirvam de estímulo para despertar da letargia em que se encontram as nossas camaradas, eis o nosso mais ardente desejo.

A Classe Operária. São Paulo, 1º maio 1926.

Glossário:




Catálogo: editoras -> liepem18 -> OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> OLHARES%20DA%20HISTÓRIA%20BRASIL%20E%20MUNDO%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SCIPIONE
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Gilberto Cotrim Bacharel e licenciado em História pela Universidade de São Paulo Mestre em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Mackenzie Professor de História e advogado Mirna Fernandes
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Geografia Espaço e identidade Levon Boligian, Andressa Alves 3 Componente curricular Geografia
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Manual do professor
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Manual do Professor História Global
OLHARES%20DA%20HISTÓRIA%20BRASIL%20E%20MUNDO%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SCIPIONE -> Olhares da História 1 Brasil e mundo Manual do Professor Cláudio Vicentino
OLHARES%20DA%20HISTÓRIA%20BRASIL%20E%20MUNDO%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SCIPIONE -> Olhares da História 2 Brasil e mundo
OLHARES%20DA%20HISTÓRIA%20BRASIL%20E%20MUNDO%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SCIPIONE -> Cláudio Vicentino Bruno Vicentino Olhares da História Brasil e mundo
OLHARES%20DA%20HISTÓRIA%20BRASIL%20E%20MUNDO%201%20AO%203º%20ANO%20-%20EDITORA%20SCIPIONE -> Olhares da História 1 Brasil e mundo Manual do Professor Cláudio Vicentino


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   124   125   126   127   128   129   130   131   ...   563


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal