Capa do catálogo catálogo: teses, dissertaçÕes e monografias natal 2012


TÍTULO: A ÍNGUA QUE SE ESCONDE POR BAIXO DA LÍNGUA: CONTRA O MITO DA OBJETIVIDADE JORNALÍSTICA



Baixar 233.28 Kb.
Página8/24
Encontro09.02.2022
Tamanho233.28 Kb.
#21508
1   ...   4   5   6   7   8   9   10   11   ...   24
2008

TÍTULO: A ÍNGUA QUE SE ESCONDE POR BAIXO DA LÍNGUA: CONTRA O MITO DA OBJETIVIDADE JORNALÍSTICA

AUTOR: Nassary Lee de Oliveira Silva

ORIENTADORA: Josimey Costa da Silva

Graduação em Jornalismo – 2008
Esta pesquisa monográfica destina-se a realizar, anteriormente a qualquer proposta ou pretensão, um estudo acerca da subjetividade; como esta se manifesta na Comunicação de Massa do tipo Imprensa em contraponto com o mito da tão defendida objetividade jornalística. Trata-se muito mais da construção em aberto do quanto de literatura é admissível na produção de textos Jornalísticos e do quanto de pessoal é possível existir numa (fria?) transmissão de informação do que exatamente procurar responder sobre quem vence a “disputa” Objetividade x Subjetividade. Tal trabalho assume, pois, um caráter ensaístico-filosófico e toma a amostra Tribuna do Norte (numa edição aleatória do domingo de 23 de março de 2008).
TÍTULO: ALIMENTO COMO METÁFORA, METÁFORA COMO ALIMENTO: A ARTE DE NUTRIR UMA EDUCAÇÃO COMPLEXA

AUTOR: Analwik Tatielle Pereira de Lima

ORIENTADORA: Wani Fernandes Pereira

Dissertação de Mestrado em Educação – 2008

 

A dissertação trata do percurso de uma pesquisa a respeito do que denominamos uma odisseia gastronômica e uma “geografia gulosa”. Os elementos interpretativos tornam possível conceber a leitura da metáfora para se pensar uma educação sensível, complexa, guiada por uma experimentação estética da condição humana. Evoca os sentidos, permitindo rememorar conhecimentos e saberes pertinentes, ao mesmo tempo que reitera a indissociabilidade do sujeito em seus vários polos constituintes: natureza e cultura, emoção e razão. Como contribuição epistemológica, busca-se ampliar a compreensão de Corpo, Alimento, Metáfora, Estética e Educação, acionando inter-relações, entre os espaços acadêmicos e cotidiano, experimentando outras formas de sentir, pensar e estar no mundo. Impulsionada por uma razão gulosa, e como num ritual de preparação do alimento, escolhe-se aqui transversalizar saberes, construir um diálogo entre autores de áreas de conhecimentos múltiplos, como a Filosofia, a Antropologia, a Etnologia e a Educação. Para a empreitada dessa odisseia gastronômica, discute-se a aproximação entre um programa como método e um livro de receitas culinárias herméticas. São companheiros nesse percurso sábios, cientistas e poetas, entre os quais destaco Michel Onfray, Boris Cyrulnik, Merleau-Ponty, Edgar Morin e Conceição Almeida.


TÍTULO: APRENDENDO COM A VIDA: A EXPERIÊNCIA DE FORMAÇÃO A PARTIR DO PROGRAMA TRIBUTO À CRIANÇA

AUTOR: Rayklicy Elanne Morais

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Graduação em Pedagogia – 2008

 

O trabalho apresentado explicita fragmentos das minhas experiências de vida e de formação em pedagogia, mostrando a importância da minha história de vida no âmbito das práticas pedagógicas realizada no contexto do Programa Tributo à Criança, Núcleo do bairro Planalto, na cidade de Natal/RN. Trata-se, entre outras coisas e com outras palavras legitimar a subjetividade explicitada, fora dos seus ditames territoriais reconhecidos na literatura, nas artes e nas psicologias analíticas.



 

TÍTULO: DA PORNOGRAFIA: OS DIÁRIOS DE BRUNA, MARISE E GABRIELA. AS PROSTITUTAS LETRADAS

AUTOR: Gustavo H. F. Bittencourt

ORIENTADOR: Alexsandro Galeno de Araújo Dantas

Dissertação de Mestrado – 2008
Esta dissertação estabelece uma leitura, no campo das ciências sociais, tomando como assunto a pornografia e a prostituição. Tendo como ponto de referência os diários das prostitutas Bruna Surfistinha, Marise e Gabriela. Com observações na literatura de Anais Nin, Pauline Réage, e Hilda Hilst procuramos entender o ponto de vista poético feminino para pensarmos sobre a pornografia e a prostituição.
TÍTULO: EDUCAÇÃO PARA A VIDA: AS NARRATIVAS COMO POSSIBILIDADE DE RECRIAÇÃO DO SER EDUCADOR

AUTOR: Isabelle Judith Ramos de Mendonça

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Graduação em Pedagogia – 2008

 

Esta monografia tem como base teórica as reflexões acerca de experiências docentes. Através da escrita e análise de narrativas (auto)biográficas, a pesquisa tem por objetivo repensar o processo de formação do professor e suas práticas pedagógicas. Os resultados obtidos com as análises, indicam a necessidade dos professores reverem a suas práticas de ensino no esforço de ajudar seus alunos a compreenderem o aluno como um ser humano por inteiro numa relação de afetividade, baseada no diálogo.


TÍTULO: FERNANDO PESSOA(s): CIÊNCIAS DAS SENSAÇÕES, PEDAGOGIA DO FINGIMENTO

AUTOR: Rodrigo da Costa Bezerra

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Dissertação de Mestrado em Educação – 2008

 

A dissertação pretende considerar a heteronímia, vivenciada pelo poeta Fernando Pessoa, como uma estratégia cognitiva para equacionar o outro no campo da educação e minimizar persistentes antinomias no processo de aprendizagem tal como sentimento e pensamento, emoção e razão. Assim, tal estratégia se constitui num dos fundamentos possíveis do método complexo ao tecer de forma dialógica e recursiva a relação de alteridade nas quais se moldam as identidades plurais na educação, lançando bases de uma ciência das sensações para o exercício de uma pedagogia do fingimento.


TÍTULO: HERDEIRA DE UMA PEDAGOGIA DIALÓGICA

AUTOR: Michella Bertúcia Alves Silvestre

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Graduação em Pedagogia – 2008

 

A monografia expõe a narrativa autobiográfica de minha mãe, uma professora da rede de escola pública do Estado do Rio Grande do Norte. Tal narrativa me fez refletir sobre um melhor desempenho em sala de aula frente às dificuldades encontradas no ambiente escolar. Com isso, surge o interesse em identificar tais dificuldades e de compreender de que modo ocorre a evolução da prática pedagógica mediante o paradigma do “professor reflexivo”.



TÍTULO: LUZIA, ANA E MARIA: DE SANTAS E FESTAS NO RIO GRANDE DO NORTE

AUTOR: Elaine Cristina Alves da Costa Savalli

ORIENTADOR: Orivaldo Pimentel Lopes Júnior

Tese de doutorado em Ciências Sociais – 2008


Os atos festivos destinados aos santos podem ser incentivadores das novas interações sociais ocasionadas pelo evento. Partindo daí, este trabalho pesquisa três festas religiosas que têm como homenageadas as santas: Nossa Senhora da Apresentação, em Natal; Santa Luzia, na cidade de Mossoró - região oeste do estado; e Sant'Ana, mãe de Maria que ilustra com fervor a cultura caicoense, no Seridó do Rio Grande do Norte. Com o objetivo de observar e comparar as festas em questão, estudar as festas no Brasil colônia, e as festas do Rio Grande do Norte, foram feitas pesquisas de campo entre os anos de 2007 a 2009. Inclui, também, a hagiografía das padroeiras dessas cidades e, por fim, enfatiza os pontos em comum, e as diferenças existentes entre elas.
TÍTULO: MALA NA MÃO, PÉ NA ESTRADA, À PROCURA DE UMA PEDAGOGIA DAS SINGULARIDADES

AUTOR: Hostina Maria Ferreira do Nascimento

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Dissertação de Mestrado – 2008


A dissertação tem como referência alunos do Projeto Pedagogia da Terra da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte – UERN. Refleti sobre os saberes inscritos nas suas memórias durante o percurso que os conduziu para a cidade em busca de escolarização. Tem como referências principais as ideias de Edgar Morin sobre o método como estratégia, implicação do sujeito no conhecimento, o conhecimento pertinente e religação de saberes e os conceitos de assunção da identidade cultural e de diálogo de Paulo Freire.
TÍTULO: O MENINO É O PAI DO HOMEM: RAÍZES CRIANCEIRAS DO CONHECIMENTO

AUTOR: Paula Vanina Cencig

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Dissertação de Mestrado em Educação – 2008

 

Esta dissertação é um trabalho sobre o brincar e sua relação com a produção de conhecimento. Ela é resultado de um conjunto de experiências pessoais ligadas ao universo da cultura da criança que instigaram um olhar direcionado à forma como ela explora o mundo e que me fez questionar se por trás das brincadeiras não estariam estratégias importantes de produção de conhecimento que poderiam ser incluídas no fazer ciência. Como fruto dessa reflexão e orientado pelos estudos da ciência da complexidade, o trabalho contemplou também a elaboração de um brinquedo.



TÍTULO: PAISAGENS SONORAS, TEMPOS E AUTOFORMAÇÃO

AUTOR: Silmara Lídia Marton

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Tese de Doutorado em Educação – 2008


As sociedades atuais vivem tempos de velocidade, individualismo, ausência de enraizamento histórico: em sintonia com o processo civilizatório do mundo ocidental contemporâneo profundamente marcado pelo paradigma da globalização. A poluição visual e sonora das grandes cidades é, ao mesmo tempo, a expressão da poluição dos sentidos e afetos humanos. No percurso argumentativo desta tese ganham ênfase os saberes da tradição, as práticas e conhecimentos produzidos pelas sociedades mais próximas da natureza as quais, por meio de estratégias cognitivas abertas e polifônicas, dão relevo às faculdades sensíveis e a complementaridade dos dois itinerários do pensamento: o simbólico/mitológico/mágico e o empírico/técnico/racional (Edgar Morin). A tese apresenta-se na forma narrativa de um diário, em especial, das narrativas e evocações de memória de Francisco Lucas da Silva (Chico Lucas), a quem poderíamos chamar de um “filósofo da natureza”.

TÍTULO: PEDAGOGIA DO COTIDIANO: O PROFESSOR QUE EXISTE EM CADA UM DE NÓS

AUTOR: Conceição Aparecida Tavares da Costa

ORIENTADORA: Wani Fernandes Pereira

Graduação em Pedagogia – 2008

 

O trabalho evidencia a importância da pedagogia fora do contexto escolar, através de narrativas vivenciadas num ambiente de trabalho. Objetiva demonstrar a importância de uma pedagogia para o desenvolvimento dos trabalhadores. O que de fato pretendemos é proporcionar uma reflexão sobre a experiência vivida e as possibilidades de melhoria na construção de um pensamento mais voltado para uma educação planetária, sem limites.


TÍTULO: POR DENTRO DO MUNDO DOS QUADRINHOS: DEMOLIDOR E A AUTO-SUPERAÇÃO, UM CAMINHO A TRILHAR!

AUTOR: Daniel de Oliveira Ribeiro

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Graduação em Pedagogia – 2008

 

A mudança dos valores sociais, que vem acontecendo a partir da modernidade e em especial na contemporaneidade, afeta drasticamente o ser humano. Quais seriam hoje as vias possíveis para o humano atual, diante de uma sociedade que valoriza a juventude e o corpo jovem, onde a resiliência e a autossuperação são de extrema importância para a sua sobrevivência? Esta monografia visa discutir essas questões, utilizando a leitura de história em quadrinhos, em particular do herói Demolidor. A abordagem parte de pressupostos teóricos freirianos e morinianos, como outros.


TÍTULO: PROGRAMA TRILHAS POTIGUARES: CAMINHOS DE CONHECIMENTO E DE TRANSFORMAÇÃO.

AUTOR: Marjorie da Fonseca e Silva Medeiros

ORIENTADORA: Wani Fernandes Pereira

Dissertação de Mestrado em Educação – 2008

 

A fragmentação do conhecimento, da disciplinaridade e das grades curriculares é uma distorção que não contribui para o pleno entendimento do mundo. Com base nesse entendimento pode-se supor, então, que a educação do futuro irá exigir esforços pra superar a fragmentação, para rejuntar natureza e cultura, sujeito e objeto, ciências e humanidade. Tendo como base os três princípios de inteligibilidade, inter-relacionados, a partir dos quais pode-se compreender o pensamento complexo e os sete saberes necessários à educação do futuro, propostos por Edgard Morin, são exploradoras nesta dissertação as bifurcações e os caminhos do Programa de Extensão Trilhas Potiguares, desenvolvido na Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN, em sua tentativa de romper a inércia da fragmentação.



TÍTULO: RELIGIÃO E VIOLÊNCIA EM FELIPE CAMARÃO

AUTOR: Bruno Cesar Ferreira de Barros Correia

ORIENTADOR: Orivaldo Pimentel Lopes Júnior

Graduação em Ciências Sociais – 2008

Este trabalho problematiza e concentra suas análises em torno da evidência de uma surpreendente relação que existe entre o crescimento da violência e da religiosidade no bairro de Felipe Camarão. Achamos ser pertinente nos debruçarmos sobre esse estudo, principalmente, por ainda haver poucos trabalhos que abordem o elo entre a religiosidade e a violência urbana que ocorre fora do universo religioso. Durante a pesquisa, procuramos desenvolver e aplicar a metodologia que chamamos de “parcerias cognitivas”, que concerne a uma ampliação teórica de outros procedimentos metodológicos como, por exemplo, a “pesquisa participante”, originária da compreensão diltheana.

TÍTULO: SOBRE A DIGNIDADE HUMANA. PRELÚDIO PARA UMA ABERTURA DAS CIÊNCIAS JURÍDICAS.

AUTOR: Lenice Silveira Moreira de Moura

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Tese de doutorado em Ciências Sociais – 2008

 

A tese discute e problematiza o Princípio da Dignidade Humana em sua multidimensionalidade, de forma não exclusivamente individual e antropocêntica, mas intersubjetiva e planetária, o que significa dizer que tal compreensão transcende propriamente o humano, para contemplar a dignidade de um sujeito implicado no mundo. Nesse contexto, a tese propõe esgarçar a disciplinaridade do Direito, abrindo as ciências jurídicas para uma percepção mais totalizante da condição humana, comportado as dimensões individual, social, antropolítica e antropoética.



TÍTULO: SURF: METÁFORA DE UMA EDUCAÇÃO PARA A VIDA

AUTOR: Ivone Priscilla de Castro Ramalho

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Graduação em Pedagogia – 2008

 

Este trabalho monográfico refere-se a uma análise acerca do surf, tratando, principalmente, dos aspectos educativos e filosóficos envoltos nesse esporte. Para a realização do trabalho, faz-se necessário os relatos de uma experiência própria, bem como a utilização do embasamento teórico de autores como Morin (2008), Serres (2004), Capra (2006), Brandão (2007), entre outros. Sendo assim, procurou-se situar o surf em um contexto complexo, relacionando-o com a educação, e evocando um ensino que priorize a capacidade de organizar o pensamento, a condição humana, a aprendizagem do viver, a aprendizagem da incerteza e a educação cidadã.




Baixar 233.28 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   4   5   6   7   8   9   10   11   ...   24




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal