Capa do catálogo catálogo: teses, dissertaçÕes e monografias natal 2012


TÍTULO: A EVOLUÇÃO DO NOTICIÁRIO ECONÔMICO DO DIÁRIO DE NATAL



Baixar 233.28 Kb.
Página10/24
Encontro09.02.2022
Tamanho233.28 Kb.
#21508
1   ...   6   7   8   9   10   11   12   13   ...   24
2006

TÍTULO: A EVOLUÇÃO DO NOTICIÁRIO ECONÔMICO DO DIÁRIO DE NATAL

AUTOR: Edwin dos Santos Carvalho

ORIENTADORA: Josimey Costa da Silva

Monografia Especialização em Jornalismo Econômico – 2006

 A cobertura de fatos provocados pela conjuntura econômica sempre esteve presente no noticiário brasileiro, desde o seu nascedouro. Foi, porém, na Ditadura Militar, que o noticiário brasileiro de economia ganhou grande impulso, incentivado pelos militares, ávidos em divulgar os números do “milagre econômico”. No Rio Grande do Norte, os cadernos de economia só passaram a se estruturar como tais décadas depois do mesmo fenômeno ser registrado no resto do país. Trata-se de um estudo que buscou, através do resgate histórico, identificar os traços característicos do noticiário econômico local.

TÍTULO: ANÁLISE DAS NOTÍCIAS ECONÔMICAS VEICULADAS NA TV ASSEMBLEIA DO RIO GRANDE DO NORTE: UM ESTUDO DE CASO DO JORNAL ASSEMBLEIA

AUTOR: Georgia Luana dos Santos Nery

ORIENTADORA: Josimey Costa da Silva

Monografia de Especialização em Jornalismo Econômico – 2006

 

Este trabalho analisou a importância do noticiário econômico no Jornal da Assembleia, transmitido pela TV da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Essa análise foi realizada do ponto de vista de conteúdo, imagem, forma e importância das reportagens relacionadas ao jornalismo econômico. Um dos problemas fundamentais do jornalismo econômico se apresenta na dificuldade dos profissionais da área de comunicaçãoestabelecerem uma postura independente em relação aos interesses econômicos e empresariais das corporações as quais os veículos estão ligados. A relação anunciante versus notícias é um problema para todos os segmentos do jornalismo brasileiro, mas em especial para o noticiário econômico que lida diariamente com a necessidade de informar ao mesmo tempo em que atende a estes interesses. Isso nos veículos comerciais: emissoras de televisão, rádios e jornais. Mesmo sendo uma TV Pública comandada pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, a TV Assembleia consegue levar ao ar um telejornal que no período de análise não demonstrou nenhuma evidência de influência econômica. Os breaks do jornal são feitos de propagandas institucionais e campanhas de organizações não governamentais.



TÍTULO: ANÁLISE DAS FONTES PUBLICADAS NAS EDITORIAS DE ECONOMIA DE JORNAIS NATALENSES: DIÁRIO DE NATAL, TRIBUNA DO NORTE E O JORNAL DE HOJE

AUTOR: Zhamara Mettuza Silva Damascendo

ORIENTADORA: Josimey Costa da Silva

Monografia Especialização em Jornalismo Econômico– 2006


O objetivo deste trabalho foi verificar a cobertura jornalística econômica dos principais jornais impressos natalenses, Diário de Natal, Tribuna do Norte e O Jornal de hoje, no que se refere à diversificação das fontes de informação e o tipo de abordagem das notícias. Durante a pesquisa foram verificados aspectos das matérias como clareza textual e utilidade pública das notícias. Além disso, observaram-se também procedimentos técnicos na apuração dos fatos, como o uso de apenas uma fonte nas matérias.
TÍTULO: APOIO PEDAGÓGICO, AÇÃO COLETIVA E DIÁLOGO: TRAMAS DA FORMAÇÃO CONTINUADA EM EDUCAÇÃO INCLUSIVA

AUTOR: Luzia de Fátima Medeiros de Oliveira

ORIENTADORA: Ana Lúcia Assunção Aragão Gomes. 

Tese de Doutorado em Educação – 2006

 

Este trabalho destaca a importância da formação continuada dos educadores quanto ao processo educacional inclusivo, apontando como elementos básicos o apoio pedagógico em uma ação dialógica com participação coletiva e colaborativa. Nesse sentido, defende o diálogo na perspectiva de David Bohm, com interfaces das ideias freireanas, como um recurso metodológico de ação que permite a organização de estratégias de apoio pedagógico coletivo e efetivo em escolas inclusivas, ao mesmo tempo em que articula a formação continuada dos profissionais da educação. Caracterizada como uma pesquisa de ação dialógica, participante e colaborativa contou com a participação de 87 educadores.



TÍTULO: ARRAIAL DO CALDEIRÃO: O ÊXODO NORTE-RIO-GRANDENSE PARA A TERRA PROMETIDA

AUTOR: Lemuel Rodrigues da Silva

ORIENTADOR: Orivaldo Pimentel Lopes Júnior

Tese de doutorado em Ciências Sociais – 2006


O Caldeirão, sítio localizado na cidade do Crato ao sul do Ceará, pertenceu ao padre Cícero Romão Batista. Ali foi criada uma comunidade religiosa liderada pelo beato José Lourenço, a qual marcou a vida de milhares de sertanejos do Nordeste na década de 1930 por representar para essa gente um espaço de convívio religioso, trabalho e devoção. O estudo apresentado propõe uma compreensão desse movimento migratório a partir do discurso religioso de salvação levado aos sertanejos pelo Conselheiro Severino Tavares. Utilizou-se como campo de análise os remanescentes norte-rio-grandenses que migraram para o Caldeirão, e como referenciais teóricos e metodológicos o modelo compreensivo de investigação, a história cultural e a análise de discurso das memórias dos remanescentes. O trabalho conclui que apontar o fenômeno do Caldeirão como uma revolta camponesa é tentar impor a essa gente as aspirações ou desejos de outros, além de negar a essas pessoas o direito e a dignidade de terem agido a partir de suas crenças e de seus próprios sonhos.

TÍTULO: A ARTE RUPESTRE: COMO EXPRESSÃO COMUNICATIVA DA CULTURA

AUTOR: Gerlúzia de Oliveira Azevedo Alves

ORIENTADOR: Alex Galeno Dantas

Dissertação de Mestrado em Ciências Sociais – 2006
Ao longo de sua existência, através dos milênios, o ser humano registra, de uma forma ou de outra, a sua saga. Uma das formas de registro é a arte rupestre. Através da arte rupestre a Pré-História é trazida entre nós, retratando em imagens o cotidiano ritualístico e mágico do ser humano. O ser humano se impõe a partir do momento em que é capaz de deixar suas marcas, através das transformações que atribui à natureza; pelas interferências produzidas, e pelas singularidades culturais constituídas antes do período da escrita alfabética. Aquelas populações humanas nos legaram um sistema comunicativo cujos contextos e detalhes foram – e continuam sendo – um enigma e ser decifrado. A partir desse argumento, a pesquisa tem por objetivo compreender o cotidiano e a história de grupos culturais que nos antecederam, tomando como base a leitura das pinturas rupestres encontradas nos sítios arqueológicos localizados na região Seridó, mais especificamente no Complexo Xique-xique, próximo ao município de Carnaúba dos Dantas, distante 220 quilômetros de Natal, capital do Rio Grande do Norte.

TÍTULO: BANDAS DE MÚSICA, ESCOLAS DE VIDA


AUTOR: Ronaldo Ferreira de Lima

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida


Dissertação em Ciências Sociais – 2006

 

A dissertação tem como foco a compreensão do percurso da aprendizagem musical de crianças e jovens em duas filarmônicas (Filarmônica 24 de Outubro, de Cruzeta) atuantes na região do sertão do Seridó norte-rio-grandense. Destaca-se a relação singular entre o mestre da banda e os seus alunos, com base na interação permanente entre tradição, criatividade e mudança, que decorrem de uma formação partilhada. A ideia que une o trabalho é a aposta na formação do indivíduo como ser complexo, não apenas reduzido ao aprendizado de um instrumento musical, mas inserido num processo educacional capaz de facilitar o desvelamento de si, do outro e da sociedade. A história e o percurso da formação musical dessas duas experiências são tecidos com base em entrevistas com os mestres das bandas, aprendizes e a população.



TÍTULO: CIÊNCIA COMO MONTAGEM, MONTAGEM COMO CIÊNCIA

AUTOR: Carlos Henrique Lisboa Fontes

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Dissertação em Ciências Sociais – 2006

 

A dissertação narra possíveis paralelos entre os saberes do teatro e os da ciência. A narrativa é construída a partir de uma reflexão do processo de montagem do espetáculo teatral “O Tempo da Chuva” do Grupo Beira de Teatro, em analogia ao processo de construção de uma teoria científica, descrita por Werner Heinsenberg em seu livro “A Parte e o Todo”. Tem como interlocutores, autores/atores de várias áreas do conhecimento, como Morin, Heinsenberg, Descartes, Feyerabend, Caro, Almeida, Ferracini, entre outros. Discute a hipótese de que a ciência é montagem e de que uma montagem teatral também pode ser sistematizada, a exemplo da ciência. E defende, como sugerem as ciências da complexidade, o método como estratégia.



TÍTULO: CIÊNCIA E ESPIRITUALIDADE: CONVERSAS COM PACIENTES TERMINAIS

AUTOR: Maria Tereza Penha de Araújo Silva

ORIENTADOR: Orivaldo Pimentel Lopes Júnior

Dissertação de Mestrado em Ciências Sociais – 2006


Reflete-se sobre a ciência e a espiritualidade tendo como foco a relação entre elas e o processo vivido por pacientes terminais após a confirmação da finitude de suas vidas. Busca-se, com essa pesquisa, suscitar discussões que corroborem a tematização de um possível diálogo entre a ciência e a espiritualidade, sinalizando perspectivas de debates e de formação de um entendimento sobre a problemática que envolve esses construtos humanos no desenvolvimento de alternativas para a compreensão da finitude da vida.
TÍTULO: DIÁLOGOS DA ALMA: UMA OUTRA HISTÓRIA DA LOUCURA

AUTOR: Juliana Rocha de Azevedo

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Dissertação em Ciências Sociais – 2006

 

A dissertação desperta um novo olhar a respeito da loucura. Apresenta como referência o Hospital Psiquiátrico Dr. João Machado (Natal/RN) e as histórias de vida e narrativas de quatro internos ali residentes. A pesquisa tem por horizontes éticos devolver ao sujeito as vozes que a família e a sociedade calaram atrás dos muros do manicômio e abrir as interpretações da ciência para acolher e dialogar com outros itinerários do pensamento que, se não repõem a explicação do real, expressam outras formas de ver o mundo. Destaca-se o pioneirismo de uma concepção aberta sobre o tema através de intelectuais como João da Costa Machado, Ulysses Pernambucano, Nise da Silveira e Boris Cyrulnik.



 

 TÍTULO: MEMÓRIAS DE ANTES DA NOITE

AUTOR: Elisa Paiva de Almeida

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Monografia em Comunicação Social – 2006
O trabalho resgata, por meio de um documentário em vídeo, a experiência do desenvolvimento do espetáculo teatral “Antes da Noite”, produzido em homenagem a Luís da Câmara Cascudo no ano do centenário de seu nascimento. O trabalho é também um exercício da utilização da complexidade como fundamentação teórico-metodológica.
TÍTULO: MÚSICA: POR UMA PEDAGOGIA DA ALEGRIA

AUTOR: Evanildo Costa Santos

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida/Silmara Marton

Graduação em Pedagogia – 2006

 

A música é uma linguagem universal presente desde as primeiras civilizações. Hoje, muitos setores da sociedade reconhecem a sua relevância como elemento reorganizador do comportamento humano. Ela transporta o indivíduo na direção dos seus sentimentos, concretizando-os em formas expressivas e o levando a acessar dimensões indescritíveis. Promove a compreensão da nossa unidade e diversidade, pois através da música nos reconhecemos como seres individuais e coletivos. A escola, como espaço de coletividade e diferenças, é o lugar que considero mais apropriado para a presença das experiências musicais e assim, para o desenvolvimento sistêmico do indivíduo. Sua presença auxilia na percepção, nas emoções, no estímulo da memória, na cognição, no reconhecimento estético, nos sentimentos de compreensão mútua, na consciência coletiva e individual, além de contribuir para tornar o ambiente escolar mais alegre e prazeroso, favorecendo, assim, o avanço de uma aprendizagem ética.



 TÍTULO: O NAVEGAR DA BORBOLETA: (RE) ENCONTROS E NOVOS RUMOS DE UMA AÇÃO DOCENTE

AUTOR: Leide Dayana Pereira de Freitas

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Monografia em Pedagogia – 2006


No meio social, existe um mecanismo de trocas das mais variadas existências, formando um conjunto de temporalidade basicamente duradoura, em que se configuram uma amplitude de experiências individuais. Dessa forma, aprender acerca da relação materno-infantil e sua implicação na formação da consciência da criança, dentro de uma prática pedagógica, propicia ao educador um leque de (re) encontros e novas possibilidades na sua ação docente. A monografia se detém em conhecer o espaço da corporeidade na relação materno-infantil.
TÍTULO: O OFICIALISMO NO JORNALISMO ECONÔMICO

AUTOR: Lousanne Barbosa Paiva

ORIENTADORA: Josimey Costa da Silva

Monografia Especialização em Jornalismo Econômico– 2006

 

A presente monografia apresenta o resultado da análise das coberturas econômicas dos jornais diários impressos Diário de Natal e Tribuna do Norte, publicados em Natal/RN, durante o mês de agosto de 2006. Pela abordagem das notícias e levantamento das fontes de informação utilizadas, concluiu-se que a cobertura econômica utiliza prioritariamente fontes oficiais ou autoridades publicamente reconhecidas como base das notícias. Os fatos são relatados conforme as versões desse tipo de fonte de informação, e não há praticamente nenhuma utilização de informações relevantes obtidas junto ao cidadão comum ou representantes de movimentos sociais com pouca visibilidade midiática.


TÍTULO: O SANTO DO PURGATÓRIO: A TRANSFORMAÇÃO MÍTICA DO CANGACEIRO JARARACA EM HERÓI

AUTOR: Késia Cristina França Alves

ORIENTADOR: Alex Galeno Dantas

Dissertação de Mestrado em Ciências Sociais – 2006


Nesta pesquisa procura-se narrar a trajetória de um homem comum até se tornar um santo para uma rede de fiéis em Mossoró - Oeste do Rio Grande do Norte. Reconhecemos, na história de José Leite Santana, o cangaceiro Jararaca, um terreno apropriado para a construção de caminhos investigativos de como se dá o entrecruzamento de personagens tão díspares quanto o bandido e o santo. A partir das falas dos fiéis tenta-se criar uma narrativa sobre esses deslocamentos de conceitos calcada no mito do herói que aqui aparece como uma faceta da relação do homem com a morte.
TÍTULO: VIDA, EXPERIÊNCIA, CONHECIMENTO: A REFORMA DO SUJEITO EM TSUNESSABURO MKIGUCHI

AUTOR: Rita de Cássia Ribeiro

ORIENTADORA: Maria da Conceição X. de Almeida

Tese de Doutorado em Educação - 2006

 

Através de grande parte da obra e do registro dos fragmentos da vida do educador japonês Tsunessaburo Makiguchi, a tese afirma que o conhecimento emerge da experiência de vida dos sujeitos. Fatos, acontecimentos, herança genética, patrimônio cultural, história familiar, o lugar onde se nasce e se vive e as predisposições psicológicas configuram uma visão sobre o mundo e sobre a vida. Essa constelação multicausal conduziu Makiguchi a conceber o sistema de criação de valores bem-benefício-beleza, discutindo a importância do par cognição-avaliação para a experiência humana. O sistema makigucjiano e a abordagem complexa de Edgar Morin sugerem uma reforma pragmática e paradigmática da educação e do pensamento em direção a uma pedagogia complexa.





Baixar 233.28 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   6   7   8   9   10   11   12   13   ...   24




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal