Caminhos do homem: do imperialismo ao Brasil no século XXI, 3º ano


Página 188 (Discutindo a História)



Baixar 8.19 Mb.
Página428/464
Encontro08.10.2019
Tamanho8.19 Mb.
1   ...   424   425   426   427   428   429   430   431   ...   464
Página 188 (Discutindo a História)

1. Segundo o autor, nenhuma outra força social ou grupo de trabalhadores apoiou as reivindicações e lutas dos marinheiros. A Revolta da Chibata não pode ser considerada uma revolução porque os marinheiros não perseguiam uma mudança de regime. Eles se sublevaram contra os castigos corporais da Marinha.

2. Porque a classe manifestou-se sozinha, e suas reivindicações não repercutiram pela sociedade.

Página 191 (Trabalhando com fontes históricas)

1. Prestes, na década de 1920, havia idealizado melhorias e mudanças na ordem política do país. Desejava acabar com a corrupção que tanto marcou a República Velha.


Catálogo: editoras -> liepem18 -> OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> HISTÓRIA%20CAMINHOS%20DO%20HOMEM%201%20AO%203º%20ANO%20-%20BASE -> DOCX
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Ronaldo vainfas
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Oficina de história: volume 1
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Gilberto Cotrim Bacharel e licenciado em História pela Universidade de São Paulo Mestre em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Mackenzie Professor de História e advogado Mirna Fernandes
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Geografia Espaço e identidade Levon Boligian, Andressa Alves 3 Componente curricular Geografia
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Manual do professor
OBRAS%20PNLD%202018%20EM%20EPUB -> Manual do Professor História Global
DOCX -> Caminhos do homem: das origens da humanidade à construção do mundo moderno, 1º ano
DOCX -> Caminhos do homem: da era das revoluções ao Brasil no século, XIX, 2º ano


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   424   425   426   427   428   429   430   431   ...   464


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal