Caderno anvisa cosm site indd



Baixar 488.7 Kb.
Pdf preview
Página37/43
Encontro22.07.2022
Tamanho488.7 Kb.
#24329
1   ...   33   34   35   36   37   38   39   40   ...   43
04. Guia de controle de qualidade de produtos cosméticos Autor Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

PARTE 2
112
Anvisa
Cosméticos
2.16.3. Descrição do Método
2.16.3.1. Preparo de Soluções
2.16.3.1.1 Solução Estoque do Indicador Misto
Pesar exatamente 0,25 g de azul de dissulfina (disulphine blue VN 150) em um béquer 
de 50 ml e 0,5 g de dimidium bromide em outro béquer de 50 ml; adicionar a cada 
béquer 25 ml de solução aquecida de metanol a 10%. Transferir as soluções para um 
balão volumétrico de 250 ml e completar o volume com solução de metanol a 10%.
2.16.3.1.2. Solução Indicadora Mista
Misturar, em um balão de 500 ml, 20 ml de solução estoque, 20 ml de ácido sulfúrico 2,4M 
ou 3 ml de ácido sulfúrico concentrado, e completar o volume com água destilada.
2.16.3.1.3 Solução Padrão de Cloreto de Benzetônio 0,004M
Pesar com precisão 1,7924 g de cloreto de benzetônio e dissolver com água em um 
balão volumétrico de 1000 ml; acrescentar 0,4 ml de hidróxido de sódio a 50% e com-
pletar o volume com água destilada. Padronizar essa solução com lauril sulfato de sódio 
0,004M.
2.16.3.1.4 Solução Padrão de Lauril Sulfato de Sódio 0,004M
Pesar exatamente o equivalente a 1,15 g de lauril sulfato de sódio PA em um béquer 
de 100 ml. Dissolver em água destilada, transferir quantitativamente para um balão de 
1000 ml, completar com água destilada e homogeneizar.
Obs.: Se o lauril sulfato de sódio não apresentar 100% de pureza, corrigir a quantida-
de do pó a ser pesado para o preparo da solução padrão 0,004M, conforme o teor de 
pureza encontrado.


Guia de Controle de Qualidade de Produtos Cosméticos
113
2.16.3.1.5. Padronização do Lauril Sulfato de Sódio
Pesar analiticamente 5 ± 0,2 g de lauril sulfato de sódio em um balão de fundo redondo 
de 250 ml com junta esmerilhada e adicionar 25 ml de ácido sulfúrico 1N, usando uma 
bureta de 50 ml; adaptar um condensador e manter em refluxo. Durante os primeiros 
cinco a dez minutos, a solução irá espumar. Quando cessar a espuma, ferver cuidado-
samente durante duas horas. Parar o aquecimento e esfriar a solução.
Lavar o condensador com 30 ml de água destilada e remover o balão do condensador, 
adicionando algumas gotas de fenolftaleína. Titular com hidróxido de sódio 1N até o 
aparecimento do primeiro tom de rosa. Preparar um branco da mesma maneira descrita 
para a solução padrão de lauril sulfato de sódio.
2.16.3.1.6. Cálculo
28,84 x ( A - B ) x fc
m
C =
Onde: C = concentração (p/p) de tensoativos catiônicos ou 
aniônicos na amostra
A = volume de hidróxido de sódio utilizado na titulação do 
lauril sulfato de sódio, em mililitros
B = volume de hidróxido de sódio utilizado na titulação do
branco, em mililitros
fc = fator de correção do titulante
m = massa da amostra em gramas 
2.16.3.2. Preparo de Amostras
2.16.3.2.1. Amostra de Produtos em Pó
Pesar aproximadamente 10 g do produto triturado e transferir para um erlenmeyer de 
250 ml com rolha esmerilhada. Adicionar 20 ml de solução saturada de carbonato de 
potássio (duas vezes em volume a massa do produto) e 30 ml de isopropanol. Agitar com 


Baixar 488.7 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   33   34   35   36   37   38   39   40   ...   43




©historiapt.info 2023
enviar mensagem

    Página principal