Caderno anvisa cosm site indd



Baixar 488.7 Kb.
Pdf preview
Página30/43
Encontro22.07.2022
Tamanho488.7 Kb.
#24329
1   ...   26   27   28   29   30   31   32   33   ...   43
04. Guia de controle de qualidade de produtos cosméticos Autor Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

PARTE 2
98
Anvisa
Cosméticos
Determinar a absorbância A (A1) a 410 nm do extrato da solução amostra em relação 
ao extrato da solução testemunha. Da mesma forma, determinar a absorbância A (A2) 
do extrato do ensaio em branco em relação a 1-butanol.
Nota: Todas essas operações devem ser realizadas no período de 25 minutos a partir 
do momento em que os erlenmeyers são colocados em banho-maria a 60ºC.
2.9.3.2.3. Curva de Calibração
Transferir 5 ml de solução padrão diluída e 5 ml de reagente de acetilacetona para um 
erlenmeyer de 50 ml. Completar o volume com água, até 30 ml.
Determinar a absorbância (A1) a 410 nm do extrato da solução amostra em relação 
ao 1-butanol. Continuar o procedimento segundo as indicações para o doseamento e 
determinar a absorbância em relação ao 1-butanol. Repetir o processo com 10, 15, 20 
e 25 ml de solução padrão diluída.
Para obter o valor do ponto ‘0’ (correspondente à coloração dos reagentes), proceder 
determinando a absorbância (A2) do extrato do ensaio em branco em relação a 1-bu-
tanol.
Construir a curva de calibração após a subtração do valor do ponto ‘0’ de cada uma das 
absorbâncias obtidas nas soluções anteriores.
2.9.3.2.4. Cálculo
c
10
3
x m
C =
Onde: C = concentração (p/p) de formaldeído
c = quantidade de formaldeído obtida a partir da curva de 
calibração por meio da subtração A1 - A2, em µg
m = massa da amostra em gramas


Guia de Controle de Qualidade de Produtos Cosméticos
99
2.10. Determinação do Teor de Hidróxido de Amônio
(Ammonium Hydroxide)
2.10.1. Método A
2.10.1.1. Objetivo e Campo de Aplicação
Este método descreve o doseamento do amoníaco livre e aplica-se às amostras que 
contenham hidróxido de amônio.
2.10.1.2. Princípio
Uma solução de cloreto de bário é adicionada ao produto cosmético em meio metanol/
água. O precipitado eventualmente formado é filtrado ou centrifugado. Esse procedi-
mento evita, no decurso da destilação em corrente de vapor, o arrastamento de certos 
sais de amônio, tais como o carbonato, o hidrogenocarbonato, os sais de ácidos graxos, 
etc., com exceção do acetato de amônio. O amoníaco é arrastado pelo vapor a partir do 
filtrado ou da parte sobrenadante e dosado por titulometria de retorno com indicador 
ou titulometria potenciométrica direta. O teor de amônia na amostra determinado por 
esse método é expresso em porcentagem de NH3 (p/p).
2.10.1.3. Descrição do Método
2.10.1.3.1. Procedimento
Pesar e transferir uma quantidade de amostra que contenha no máximo 150 mg de 
NH3 para um balão volumétrico de 100 ml. Adicionar 10 ml de água destilada, 10 ml 
de metanol e 10 ml de solução de cloreto de bário diidratado a 25% (p/v). Completar o 
volume com metanol e homogeneizar.
Deixar em repouso na geladeira durante doze horas. A solução, ainda fria, é filtrada ou 
centrifugada em tubos fechados, durante dez minutos, de modo a obter um líquido 
sobrenadante límpido.


Baixar 488.7 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   26   27   28   29   30   31   32   33   ...   43




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal