Body Art a body Art



Baixar 0.77 Mb.
Encontro18.10.2022
Tamanho0.77 Mb.
#25842
Body Art

Body Art

  • Body Art (arte do corpo) é uma tendência artística contemporânea que surgiu na década de 60, nos Estados Unidos e na Europa.
  • Sua principal caraterística é o uso do corpo como suporte e intervenção para a realização do trabalho artístico.
  • Dessa maneira, o corpo humano (seja do artista ou de um modelo) passa a ser a “tela” (daí aproximação com a “body paint”, ou pintura corporal), bem como o comunicador de ideias, ou seja, o mais importante veículo em que o artista vai explorar sua "obra viva".

Exemplo de Body Art em que a pintura é feita sobre o corpo
  • Para muitos estudiosos sobre o tema, a body art é uma vertente da arte contemporânea e seu precursor foi Marcel Duchamp (1887-1968) ao questionar os limites do conceito e o modo de fazer arte, dando início a reflexão sobre a "arte conceitual" bem como a relação do sujeito com o mundo.
  • Dessa forma, os artistas contemporâneos ultrapassam os limites da tela e do conceito de arte ao propor uma nova forma de expressão artística em detrimento das tradicionais pinturas e esculturas.

Principais Características da Body Art

  • Corpo Humano como suporte e experimentação artística;
  • Materialidade e resistência do corpo;
  • Relações entre arte e a vida cotidiana;
  • Arte como forma de protesto;
  • Choque do espectador;
  • Uso de performances, videoartes e instalações;
  • Temática livre de preconceito (cultura do corpo, sexualidade, nudez,etc.);
  • Tatuagens, maquiagens, deformações, travestimento, mutilações, escarificações, queimaduras, implantes e ferimentos.

Evolução da Body Art

  • Se pensarmos na arte de pintar o corpo, constata-se que esse processo é tão antigo quanto a cultura humana.
  • Em sociedades primitivas era comum utilizar tintas para cobrir o corpo com sinais que, muitas vezes, ultrapassavam a questão de “adornar”. Isso porque em algumas culturas, os traços que cada um carregava simbolizavam hierarquia, celebrações, passagem de ciclo, etc.
  • Foi dessa forma que a arte do corpo ou a body art surgiu, primeiramente como ritual religioso ou marca cultural para designar determinada pessoa no grupo e, mais tarde, como forma artística propriamente dita.
  • Dessa maneira, a body arte passou por diversas transformações até chegar no século XXI como uma das tendências mais exploradas, tal qual a tatuagem.
  • Em resumo, antes ela surgia como uma necessidade de cultivar a crença e os rituais, e atualmente, como forma de explorar artisticamente a mais importante identidade humana: o corpo.

Principais Autores e Obras da Body Art

  • Artistas contemporâneos que merecem destaque com trabalhos de body art são: Marina Abramovic, Ana Mendieta, Eva Hesse, Bob Flanagan, Viennois Gunter, Chris Burden, Gina Pane, Dennis Oppenheim, Urs Luthi, Michel Journiac, Youri Messen-Jaschin e Stuart Brisley.

O que é Performance

  • A performance é uma modalidade artística híbrida, isto é, que pode mesclar diversas linguagens como teatro, música e artes visuais.
  • Está relacionada também ao happening e, muitas vezes, os termos são descritos como sendo a mesma coisa.
  • Alguns estudiosos dizem que há uma pequena diferença entre os dois tipos de manifestação artística.
  • A performance seria quando o artista apresenta uma cena em que normalmente utiliza seu corpo como suporte enquanto os espectadores observam; já no happening o público costuma participar também da ação.
  • Etimologicamente, a palavra performance deriva do francês antigo parformance, e significa "dar forma", "fazer"

Características da arte performática

  • Linguagem híbrida: mistura elementos do teatro, artes visuais, instalação, música, entre outros;
  • Não tem lugar "apropriado" para acontecer: pode ocorrer tanto em museus, galerias e instituições, quanto em ambiente urbano e/ou público;
  • Registros da ação podem ocorrer por meio de fotografias e vídeos, mas o caráter da obra é efêmero, passageiro;
  • Corpo como instrumento de ação artística.

Origem da performance na arte

  • No universo das artes, esse tipo de fazer artístico surge a partir da segunda metade do século XX, em decorrência de desdobramentos da pop art e da arte conceitual nos anos 60 e 70.
  • Isso porque a arte contemporânea desponta como uma nova maneira de produzir e apreciar a arte.
  • Contudo, pode-se dizer que a performance tem relações com movimentos modernistas mais antigos, como o dadaísmo e a Escola de Bauhaus.

Artistas na Performance

  • Na década de 60, surge na Alemanha o movimento Fluxus, que inicia proposições performáticas inovadoras. Muitos artistas importantes de diversas partes do mundo fizeram parte do movimento, alguns deles são:
  • Joseph Beuys (1921-1986) - alemão
  • Wolf Vostell (1932-1998) - alemão
  • Nam June Paik (1932-2006) - sul-coreano
  • Yoko Ono (1933) - japonesa

Performance artística no Brasil

  • No Brasil, já na década de 50 a arte da performance dava sinais. Isso por conta de Flávio de Carvalho (1899-1973), precursor do movimento e integrante do modernismo brasileiro.
  • Mais tarde, com o Grupo Rex (1966-1967), os artistas Wesley Duke Lee (1931-2010), Geraldo de Barros (1923-1998) e Nelson Leirner (1932) realizam diversas ações artísticas, dentre elas, performances.
  • ainda outros nomes no Brasil, como Carlos Fajardo (1941), José Resende (1945), Frederico Nasser (1945), além de Hélio Oiticica (1937-1980).

Baixar 0.77 Mb.

Compartilhe com seus amigos:




©historiapt.info 2023
enviar mensagem

    Página principal