Avaliação neuropsicológica no Acidente Vascular Cerebral: um estudo de caso Neuropsychological assessment in stroke: a case study Evaluación neuropsicológica en el accidente cerebrovascular: un estudio de caso



Baixar 444.36 Kb.
Pdf preview
Página5/12
Encontro20.06.2021
Tamanho444.36 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   12
Introdução

Este artigo aborda o tema avaliação neuropsi-

cológica no quadro de acidente vascular cerebral 

(AVC), à luz de um estudo de caso. O processo de 

avaliação neuropsicológica após acometimentos 

neurológicos é de extrema importância

1,2

, sendo 


fundamental nos casos de AVC

3,4


. A investigação do 

processamento neuropsicológico através de estudos 

de caso é um método clássico, com o qual a neu-

ropsicologia surgiu

5

. Embora dados comparativos 



de grupos sejam úteis para os avanços científicos, 

há importantes limitações quanto à individualidade, 

restrição compensada pelas vantagens do delinea-

mento de estudo de caso

6



Nesse contexto, o processo de avaliação 



neuropsicológica visa a estabelecer um perfil das 

habilidades neuropsicológicas preservadas e preju-

dicadas no desenvolvimento típico ou após quadros 

neurológicos (por exemplo, doença cerebrovascu-

lar), psiquiátricos (por exemplo, esquizofrenia), 

entre outros quadros de saúde geral. Utilizam-se 

entrevista e observação clínicas e aplicação de 

instrumentos padronizados e não-padronizados que 

avaliam aspectos diversos das funções cognitivas

como memória, atenção, orientação, calculias, 

linguagem, funções motoras, percepção e funções 

executivas

2

. Esses instrumentos permitem, pela 



mensuração quantitativa da acurácia (número de 

acertos) e pela análise qualitativa dos tipos de erros 

e estratégias utilizadas pelo indivíduo, associar os 

prejuízos observados no funcionamento cognitivo 

com possíveis disfunções ou lesões cerebrais

1,2


A interpretação dos achados de um processo de 

avaliação neuropsicológica possibilita ao neu-

ropsicólogo clínico/pesquisador estabelecer um 

diagnóstico acurado, um prognóstico, e planejar 

um programa de reabilitação

7



A indicação de avaliação neuropsicológica 



ocorre quando há qualquer tipo de acometimento 

neurológico, uma vez que é importante analisar os 

distúrbios comunicativos afetados pela cognição e 

funcionamento cerebral. Sendo assim, o fonoaudi-

ólogo habilitado é capaz de realizar tal avaliação 

a fim de compreender o quadro clínico e comple-

mentar o processo de reabilitação.



ARTIGOS

833


  

Distúrbios Comun. São Paulo, 27(4): 831-839, dezembro, 2015

Lenira Sgorla Pavan, Fabíola Schwengber Casarin, Karina Carlesso Pagliarin, Rochele Paz Fonseca

está relacionada ao restrito conhecimento que 

ainda se tem sobre a severidade e a frequência 

de  déficits  cognitivos  pós-AVC

12

. Em busca de 



reduzir essa lacuna na área, torna-se importante 

promover procedimentos de avaliação das funções 

cognitivas no maior número possível de casos de 

pessoas acometidas por um AVC. Nesse ínterim, 

será apresentada a avaliação neuropsicológica de 

um caso de AVC isquêmico. 

.




Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   12


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal