Atualização da Diretriz de Ressuscitação Cardiopulmonar e Cuidados Cardiovasculares de Emergência da Sociedade



Baixar 8.81 Mb.
Pdf preview
Página149/535
Encontro30.06.2021
Tamanho8.81 Mb.
1   ...   145   146   147   148   149   150   151   152   ...   535
6.3.1. Via Aérea e Ventilação
Alguns pacientes evoluem no RCE conscientes e com 
padrão respiratório adequado. Essas situações clínicas podem 
494


Atualização
Atualização da Diretriz de Ressuscitação Cardiopulmonar e Cuidados 
Cardiovasculares de Emergência da Sociedade Brasileira de Cardiologia – 2019
Arq Bras Cardiol. 2019; 113(3):449-663
ser observadas em sobreviventes de PCR de curta duração, 
mas parcela considerável necessita de suporte de oxigênio, 
que deve ser oferecido quando não houver saturação na 
oximetria de pulso de 94%.
405
 Não entanto, aos pacientes 
com sinais clínicos de desconforto ou rebaixamento do 
nível de consciência, deve, sim, ser oferecido oxigênio 
suplementar e a via aérea segura deve ser ponderada. 
Durante a ventilação, a hipocarbia deve ser evitada, já que 
pode desencadear vasoconstrição cerebral.
406
 Sedação, 
nesta fase, é necessária, para viabilizar a ventilação e 
diminuir o consumo de oxigênio cerebral. Nos pacientes 
que serão submetidos a MTT, deve ser considerado o uso 
de bloqueadores neuromusculares.
407,408
 



Compartilhe com seus amigos:
1   ...   145   146   147   148   149   150   151   152   ...   535


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal