Ano: 9º Turma: Nº: Disciplina



Baixar 237.44 Kb.
Encontro08.10.2019
Tamanho237.44 Kb.



Aluno(a): __________________________________________ Ano:Turma: Nº: ____

Disciplina: GEOGRAFIA Professor: Christian Data:





Revisão PROVA FINAL

01 – Com base no mapa e em seus conhecimentos, responda: como o continente Europeu é conhecido, onde está localizado, e quais seus limites.



02 - Analise as alternativas sobre os aspectos físicos da Europa e marque (E) para as alternativas erradas e (C) para as corretas.


a) O território europeu está localizado, em sua maior parte, na zona climática temperada do norte, entre o Trópico de Câncer e o Círculo Polar Ártico.

b) Com área de aproximadamente 10 milhões de quilômetros quadrados, a Europa possui a maior extensão territorial entre todos os continentes.

c) Na Europa está localizado o menor país do mundo, o Vaticano, com extensão territorial de 0,44 quilômetros quadrados.

d) O tipo de relevo predominante no território europeu são as planícies, com altitudes médias de 340 metros.

e) A Escandinávia é uma região geográfica da Europa, cuja localização é a porção leste desse território, e os países integrantes são: Rússia, Ucrânia e Romênia.
03 - Analise as afirmativas sobre o quadro humano da Europa e marque (F) para as alternativas falsas e (V) para as alternativas verdadeiras.
a) Na Europa, a tendência é que haja a diminuição da população nas próximas décadas, visto que esse continente apresenta baixas taxas de fecundidade e grande parcela da população composta por idosos.

b) Os países da Europa Ocidental apresentam os mais elevados Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) do planeta.

c) Considerado o berço da civilização ocidental, o continente europeu é o mais populoso da Terra.

d) Rússia, Alemanha, França, Reino Unido e Itália são os cinco países mais populosos da Europa.

e) Em razão de sua pequena extensão territorial e seu grande contingente populacional, a Europa é o continente mais povoado, ou seja, apresenta o maior número de habitantes por quilômetro quadrado entre todos os continentes.
04 - Em relação às particularidades geográficas da Europa, identifique as afirmações verdadeiras e as falsas:

( ) O turismo representa uma das mais importantes fontes de divisas para a economia da Grécia, da Espanha e da Itália.

( ) Após a crise determinada pela última Grande Guerra, surgiu uma série de organizações supranacionais tendentes a uma integração política e econômica.

( ) A importância do Vale do Ruhr deve-se à presença de amplas reservas exploradas de carvão e ferro, que atraíram grandes concentrações industriais.

( ) O congelamento dos portos da Europa Setentrional explica a ausência de vocação marítima nos países aí situados.

( ) A península da Jutlândia é ocupada pela Holanda.


05 - Marque como verdadeiros os itens que caracterizam corretamente os principais rios europeus:

( ) Volga: Situado na planície russa sendo o mais extenso rio da Europa que é a principal artéria fluvial do país;

( ) Pó: Formado pelos aluviões provenientes dos Alpes e dos Apeninos. É a principal região econômica da Itália concentrando-se aí uma agricultura intensiva e o conjunto industrial mais importante do país.

( ) Reno: Contém a via fluvial mais intensamente navegada da Europa, que em certos trechos é fronteira natural da França com a Alemanha: atravessa esta última e a Holanda, desaguando no mar do Norte, região que apresenta grande importância econômica, política e estratégica para a Europa.

( ) Ruhr: Mundialmente conhecido como grande centro siderúrgico pelas reservas de carvão mineral, constituindo a região de maior produção industrial alemã.

( ) Danúbio: Apresenta uma agricultura desenvolvida pela fertilidade dos solos. Seu rio principal é internacional por excelência, pois banha vários países e quatro capitais internacionais, sua nascente localiza-se na Floresta Negra, na Alemanha, e sua foz, no Mar Negro.


06 - Mais de 75% das terras europeias são planas e em seu relevo destacam-se três importantes unidades. Baseado nos conhecimento destas três unidades do relevo europeu relacione as colunas.
M. Maciços Antigos

P. Planícies Centrais

C. Cordilheiras Recentes
( ) Suas principais unidades são: os Pireneus, os Cárpatos, os Apeninos, os Bálcãs e a Cadeia do Cáucaso.

( ) Os Montes Urais e os Alpes Escandinavos compõe esta unidade do relevo.

( ) Estão localizadas na região central;

( ) Tem elevada altitude e são chamadas de Montanhas jovens;

( ) São muito antigas

( ) Possuem terras muito férteis.

( ) Situam no norte e no leste do continente;
07 – Oficialmente, a União Europeia foi constituída em 1º de janeiro de 1993, em substituição à CEE (Comunidade Econômica Europeia), pelo:

a) Tratado de Maastricht

b) Tratado de Versalhes

c) Tratado de Madrid

d) Tratado de Assunção

e) Tratado de Amsterdã


08 - As três grandes regiões europeias se diferenciam pelas características climáticas e formações vegetais bem definidas. Baseado nos conhecimento destas três grandes regiões do continente europeu relacione as colunas.
1. Europa do Norte.

2. Europa do Sul.

3. Europa das Planícies.
( ) Destaca-se o clima temperado oceânico e continental

( ) As terras voltadas para o Mar Mediterrâneo apresentam as médias térmicas mais altas da Europa;

( ) Predominam os climas frio e polar;

( ) Localiza-se nas latitudes superiores a 60°N;

( ) O clima desta região apresenta verões secos e invernos chuvosos, principais características do clima mediterrâneo.

( ) Região que encontramos formações vegetais arbóreas e arbustivas;

( ) Nesta região encontra-se a Floresta Boreal e a Tundra.
09 - Em relação às características demográficas da Europa, assinale as alternativas verdadeiras.


  1. Ao contrário do que ocorre nos demais continentes, o número de europeus decresce a cada ano.

02. A Europa é um continente pouco populoso e povoado.

04. A população se distribui de maneira irregular pelo território:

08. A densidade demográfica é bastante elevada em todas as regiões, ou seja, não há vazios demográficos.

16. Embora populosa desde tempos antigos, a Europa tem apresentado um crescimento demográfico muito pequeno nas últimas décadas.

32. Atualmente, possui cerca de 743 milhões de habitantes, sendo portanto um continente pouco populoso.

64. A proporção idosa é grande, ou seja, o número de pessoas com mais de 60 anos na população total é muito elevado.


10 – Leia a citação abaixo:

"Triste época! É mais fácil desintegrar um átomo do que um preconceito". Albert Einstein.


Nas últimas décadas o preconceito e o racismo contra imigrantes na Europa têm se acentuado. Explique as causas para esses problemas e em relação à xenofobia explique o que é, e por que ela ocorre?
11 - Sobre a questão dos imigrantes na Europa, julgue a veracidade das proposições abaixo.
I. A França começou a ser lentamente islamizada, em consequência de ondas sucessivas de novas migrações, nomeadamente das suas antigas colônias africanas, na sua maioria islamizadas. O número de muçulmanos não parou de aumentar (cerca de 10% da população francesa). Os grandes valores republicanos, com que a França integrava facilmente os imigrantes europeus, começaram a não surtirem efeito. A França começou então a depurar as suas referências culturais para se ajustar a esta nova realidade.

II. A Inglaterra e a Holanda adotaram um modelo próprio de integração: o multiculturalismo, isto é, cada imigrantes pode ter os valores que quiser, viver como entender, praticar a sua religião, mas não pode é interferir na ordem instituída. Tudo isto em nome da tolerância e dos direitos do indivíduo. A verdade é que essas sociedades acabaram por entrar numa lógica segregacionista: naturais para um lado, estrangeiros para outro.

III. A Alemanha e a Suíça levaram até às últimas consequências o modelo segregacionista, impondo uma clara separação entre "naturais" e "imigrantes. Estes últimos são mantidos, desde a sua chegada, a distância, sendo-lhes dito que não passam de mão-de-obra descartável, sempre que a situação o exija. Apesar do elevado número de imigrantes turcos existentes na Alemanha, a verdade é que apenas um pequeno número conseguiu naturalizar-se alemão.
Pode-se afirmar que é(são) verdadeira(s):
a) todas

b) apenas II e III

c) apenas I e II

d) apenas I e III

e) nenhuma
12 - O crescente aumento do número de idosos na Europa é devido:
a) Condições de vida do europeu.

b) A baixa natalidade.

c) O aumento da natalidade.

d) A baixa densidade demográfica

e) A inflação no país.
13 - Assinale a alternativa com as palavras que completam a sentença abaixo.

A ____________ é o principal bloco econômico da atualidade. Os países membros estabeleceram a livre circulação de pessoas, mercadorias e serviços em seus territórios, além de a maior parte deles adotarem uma moeda única, o ____________. Unificados, os países conseguem melhorar o desempenho econômico no cenário mundial. Isolados, não conseguiriam posições de destaque. Neste bloco econômico o país que possui a maior economia é a ________________.


a) Alca, dólar, Itália.

b) CEI, euro, Alemanha.

c) Apec, dólar, Espanha.

d) União Europeia, dólar, França.

e) União Europeia, euro, Alemanha.
14 - Assinale V para verdadeiro e F para falso:
( ) A maior parte do relevo europeu é composto por planícies muito férteis.

( ) A Europa é banhada apenas pelo Oceano Atlântico.

( ) A Europa é o segundo maior continente do planeta.

( ) Na Europa predomina climas frios e a vegetação mais comum é a floresta temperada.

( ) A Europa não apresenta muita variação linguística.

( ) Entre os principais rios europeus, destacam-se os Rios Volga, Reno, Danúbio e Sena.

( ) O Mar Mediterrâneo fica ao sul da Europa.

( ) O relevo europeu é composto apenas por duas grandes unidades, as planícies e as cordilheiras recentes.

( ) Na Europa apenas dois países falam mais de uma língua diferente, Portugal e Islândia, os demais são monolíngues.

( ) A Europa é um continente populoso, porém pouco povoado.

( ) A França possui a maior parte das terras agricultáveis da Europa.

( ) A União Europeia conta com 28 países membros, dos quais 19 adotaram a moeda única.


15 - A acentuada crise que atinge a chamada zona do euro abrange um cenário complexo e pode ser analisada sobre várias perspectivas. A estrutura supranacional criada no pós-guerra, que reuniu a gênese da Comunidade Europeia para ampliar o espaço geoeconômico do mercado comum, parece arruinada, apesar de a União Europeia (UE) constituir hoje um bloco comunitário de relevância no cenário internacional. Considerando seus conhecimentos sobre a gênese da Comunidade Europeia que se transformou na atual União Europeia (UE), associados ao atual processo de crise que atinge a zona do euro, são feitas as seguintes observações:

I) A integração econômica surgiu no pós-guerra como elemento chave para a reconstrução da Europa Ocidental, envolvendo França, Alemanha Ocidental, Itália, Bélgica, Holanda e Luxemburgo, com a criação da Comunidade Econômica do Carvão e do Aço (CECA) em 1952.

II) Em 1957, o Tratado de Roma estabeleceu a Comunidade Econômica Europeia (CEE).

III) Em 2002 entrou em vigor a chamada Zona do Euro.

IV) O Tratado de Maastricht, assinado em 1992, oficializou a criação da União Europeia (UE), sucessora da Comunidade Econômica Europeia e determinou a restrição à entrada de novos países-membros, iniciando o processo de retração do bloco quanto a futuras adesões.

V) A crise europeia envolve, entre outras razões, a baixa sincronia existente entre os elementos político-institucional e econômico-financeiro na estrutura do bloco, associadas ao descontrole das contas públicas de algumas nações da zona do euro.

VI) Portugal, Irlanda, Itália, Grécia e Espanha - que formam o chamado grupo dos PIIGS - são países que se encontram em posição delicada dentro da zona do euro, pois atuaram de forma mais indisciplinada nos gastos públicos e endividaram-se excessivamente. Das afirmações acima, estão corretas:

a) Todas.

b) I, II e III, apenas.

c) II, III, IV e V, apenas.

d) I, II, III, V e VI, apenas.

e) I, III, IV e VI, apenas.


16 - Em termos de classificação dos blocos econômicos, a União Europeia pode ser definida como:

a) União Aduaneira

b) Zona de Livre Comércio

c) União Econômica e Monetária

d) Pacto Econômico

e) Organização continental


17 – Cite os impactos socioeconômicos do envelhecimento populacional para a Europa.
18 - (CEFET – PR) A Europa é um continente pequeno em relação ao grande número de países que o compõem. É extremamente fragmentado em termos geopolíticos, tendo um grande número de países minúsculos. Verifique as alternativas a seguir que abordam aspectos físicos e socioeconômicos desse continente e identifique a INCORRETA.
A) É formada por países considerados mais urbanizados, mais industrializados, mais desenvolvidos, como Alemanha, França, Inglaterra, norte da Itália, Bélgica, Holanda, Luxemburgo, Áustria, Suíça, Dinamarca e os países escandinavos ─ Suécia, Noruega e Finlândia. Encontram-se também países menos desenvolvidos, menos industrializados, como Portugal, Grécia e os ex-socialistas.
B) Na região da Renânia, no noroeste da Alemanha, encontra-se a maior concentração industrial desse país, sendo também a principal área industrial da Europa. Os principais complexos urbano-industriais são: Essen, Düsseldorf, Colônia, Dortmund, Aachen, Buisburg, Bonn, etc. Além de uma forte indústria de base ─ siderurgia e metalurgia ─, ali estão instaladas também indústrias químicas, refinarias de petróleo, indústrias têxteis, alimentícias e outras.

C) Na França, a presença do carvão mineral e do minério de ferro, no norte e no nordeste do país, mais a garantia do abastecimento de matérias-primas e do mercado consumidor, representada por um grande império colonial, favoreceram a industrialização sistematizada a partir da segunda metade do século XIX.

D) O Reino Unido é composto por Irlanda do Norte, Escócia, País de Gales e Inglaterra. A ilha da Grã-Bretanha é uma ilha de solo ácido e pouco espaço para agropecuária.

E) Na Itália, enquanto o Sul é uma região desenvolvida e de alta renda per capita, o Norte do país chamado "Mezzogiorno" é uma região pobre, subdesenvolvida, com baixa renda per capita, sobretudo na Sicília. A base social e econômica do norte é o latifúndio, produtos de itens agrícolas, especialmente cítricos e azeitonas.


19 - Explique por que a Europa é dividida em Europa Ocidental e Oriental. Cite também as principais diferenças socioeconômicas existentes entre essas partes da Europa.
20 - Classifique os países europeus de acordo com os itens abaixo:
(1) Europa Ocidental (2) Europa Oriental
( ) República Tcheca ( ) Rússia (parte)

( ) Alemanha ( ) Suíça

( ) Noruega ( ) Polônia

( ) Letônia ( ) Dinamarca

( ) Grécia ( ) Romênia

( ) Itália ( ) Irlanda


21 - Sobre a crise do mundo socialista, entre 1989 e 1991, assinale a(s) alternativa(s) incorreta(s):
01. Redefiniu as fronteiras de alguns países do leste europeu.

02. A antiga Alemanha Oriental deixou de existir, sendo anexada à Alemanha Ocidental.

04. A Tchecoslováquia foi dividida em duas: República Tcheca e Eslováquia.

08. A Iugoslávia foi o único país que manteve seu território intacto, o que durou somente até 2004.

16. A crise socialista não dividiu territórios, somente mudou o sistema político, de socialista para capitalista moderado.
22 – Julgue as afirmativas como verdadeiras ou falsas:

( )A classificação do continente europeu em Ocidental e Oriental surgiu após a Primeira Guerra Mundial, em 1918.

( ) Ao longo da história, os países do Leste Europeu foram objeto de disputa entre as três principais potências que dominaram a região até 1918: o Império Austríaco, o Império Turco-Otomano e o Império Russo.

( ) Após a Segunda Guerra Mundial, ocorreu a bipolarização do mundo, que foi dividido em capitalista e socialista.

( ) A Europa Oriental, ou Leste Europeu, era formada pelos países socialistas, ligados à União Soviética, incluindo a Alemanha Oriental.

( ) Atualmente, fazem parte do chamado Leste Europeu vários países, entre os quais Alemanha, Áustria, Suíça e França. ( ) Os países membros da CEI (Comunidade de Estados Independentes) já não pertencem mais à Europa Oriental ou do Leste porque se associaram à Rússia.


23 - Imigrantes no mundo
"A imigração é um dos temas essenciais do século XXI. Nosso futuro depende de que saibamos resolver ou não este conflito. Porque de fato é um conflito...."

Trecho de carta de Rosa Montero - imigrante em Madri. In "El País" - 14 / 15 / 02.


No mundo atual, as reações negativas e os conflitos envolvendo imigrantes e seus descendentes evidenciam que os nativos passam a vê-los cada vez mais como uma fonte indesejável de problemas.
a) Explique o papel desempenhado pelos imigrantes nos países mais desenvolvidos da Europa Ocidental, no período entre o pós 2ªGuerra e os anos 1970.
b) Apresente um argumento de ordem econômica e outro étnico-cultural utilizados por aqueles que, nos países desenvolvidos, vêem, hoje os imigrantes como indesejáveis.
24 – Analise as afirmativas sobre as características da CEI e marque (V) para as verdadeiras e (F) para as falsas.
I – A CEI é um bloco formado em consequência da desagregação da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), visto que os novos países tinham vários laços econômicos e militares uns com os outros.

II – Os Países Bálticos (Estônia, Letônia e Lituânia), apesar de terem sido anexados à União Soviética em 1940, nunca fizeram parte da Comunidade dos Estados Independentes (CEI) após obterem a independência.

III – Com a fragmentação da União Soviética, vários problemas persistiram nos novos países, além do surgimento de outros. Os principais são os conflitos étnicos e os movimentos separatistas.

Portanto, as afirmativas corretas são:


a) Somente a alternativa I.

b) Alternativas I e II.

c) Alternativas I e III.

d) Alternativas II e III.

e) Todas as alternativas.

25 – A CEI é um bloco integrado pela Rússia e as antigas nações da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS). No entanto, três países da extinta URSS optaram por não integrar a CEI. Marque a alternativa que indica essas três nações.


a) Letônia, Lituânia e Estônia.

b) Ucrânia, Rússia e Azerbaijão.

c) Bielorrússia, Cazaquistão e Geórgia.

d) Armênia, Rússia e Uzbequistão.

e) Romênia, Bulgária e Hungria.
26 – Lenin ao chegar ao poder com o partido Bolchevique na antiga Rússia em 1918 tomou algumas medidas para organizar o país. Dentre as medidas tomadas por Lenin, todas estão corretas, EXCETO:
a) o revigoramento do exército russo

b) o fortalecimento do Estado e o enfraquecimento dos sovietes

c) a manutenção da Rússia na 1ª Guerra Mundial

d) a estatização dos meios de produção

e) o confisco de terras da nobreza e da Igreja ortodoxa.
27 – Os países que formam inicialmente a CEI (Comunidade dos Estados Independentes) são:
a) as antigas repúblicas formadoras da ex-URSS.

b) os países da antiga Cortina de Ferro.

c) os antigos países comunistas do leste europeu exceto a Rússia.

d) as antigas Repúblicas formadoras da ex-URSS, exceto as Repúblicas Bálticas.

e) as antigas repúblicas socialistas soviéticas acrescidas de Polônia, Hungria e Bulgária.
28 – Os dois países que inicialmente integraram a CEI para depois se retirarem definitivamente do bloco foram:
a) Ucrânia e Geórgia.

b) Ucrânia e Azerbaijão.

c) Geórgia e Azerbaijão.

d) Azerbaijão e Turcomenistão.

e) Ucrânia e Bielorrússia.
29 – Desde sua constituição até hoje, a CEI continua indefinida em alguns aspectos. Dentre eles podemos citar:
01. Os conflitos étnicos e nacionalistas em alguns de seus países membros.

02. A constituição de exércitos pelos países membros, o que gerou atritos com a Rússia, que desejava recuperar armamentos do antigo exército soviético.

04. A criação de moedas nacionais pelos países membros, que concorrem com o rublo russo que ainda circula em boa parte das economias do bloco.

08. A implementação a força da perestroika pela Rússia em todos os países da CEI.

16. A negativa russa em permitir que as repúblicas bálticas participem da comunidade, o que gera conflitos, como o verificado na Crimeia.

30 – Assinale a(s) alternativa(s) correta(s) sobre a dissolução da União Soviética.


01. O fracasso da Perestroika e da Glasnost.

02. A atuação da “linha dura”, representada pelas classes dominantes soviéticas, tentou um golpe fracassado em 1991, mas que enfraqueceu o governo de Gorbachev.

04. A crise econômica e política enfrentada pelo país durante a década de 1980.

08. O desejo por autonomia e independência das repúblicas que compunham a U.R.S.S.

16. O desejo da população da U.R.S.S. em ver seu país ingressar na União Europeia, o que não foi atendido por Gorbachev.
31 – Explique o que foram a perestroika e a glasnost.
32 - Em relação à Comunidade de Estados Independentes (CEI), assinale a afirmativa INCORRETA.
A) A CEI, criada com a finalidade de resolver as questões de fronteiras do antigo bloco soviético, transformou-se ao longo do tempo e é hoje um organismo de integração econômica do tipo mercado comum.

B) Apenas três das antigas repúblicas soviéticas, as localizadas na região do Mar Báltico, recusaram-se a participar da Comunidade de Estados Independentes.

C) As desigualdades existentes entre os participantes da CEI são grandes, tanto no que diz respeito à renda per capita quanto ao nível de industrialização e valor do Produto Nacional Bruto (PNB).

D) Muitos dos países integrantes da CEI vêm enfrentando problemas econômicos graves, como o elevado déficit da balança comercial e o crescimento negativo ou quase nulo da produção.

E) Com intuito de barrar os protestos contra a política comercial deficitária com o Japão.
33 - Sobre os aspectos gerais da América Anglo-Saxônica, assinale a alternativa INCORRETA.
a) Os Estados Unidos e o Canadá são os dois únicos países do continente americano que apresentam econômicas desenvolvidas e instituições democráticas sólidas.

b) Estados Unidos e Canadá formam a América Anglo-Saxônica, pois o principal idioma falado nos dois países é o inglês.

c) Embora o inglês seja o principal idioma, no Canadá também se fala o francês, notadamente na província de Quebec.

d) Estados Unidos e Canadá são os maiores países do continente americano e estão entre os seis países denominados continentais.

e) Todos os países do NAFTA (Tratado Norte-Americano de Livre Comércio) pertencem a América Anglo-Saxônica.

34 – Sobre a ocupação territorial dos países da América Anglo-Saxônica assinale a alternativa CORRETA.

a) A grande extensão territorial no sentido leste-oeste, do Atlântico ao Pacífico, tem importância fundamental na presença de grandes reservas de recursos naturais tanto para o Canadá quanto para os Estados Unidos.

b) O Canadá possui densidade demográfica superior à registrada nos Estados Unidos.

c) Os Estados Unidos possuem em sua maior extensão climas temperados continental e polar, fato que dificulta a ocupação efetiva de seu território.

d) As Montanhas Rochosas estão situadas à leste dos países anglo-saxônicos, na porção voltada para o oceano Atlântico.

e) Maior parte dos recursos naturais dos Estados Unidos ainda estão preservados, como as reservas minerais, o que leva o país a não precisar importar esses recursos em grandes quantidades de outros países.
35 – Sobre a atual organização industrial dos Estados Unidos, é correto afirmar que

a) o Nordeste apresentou um sensível declínio do setor industrial e está em franca decadência econômica.

b) a região das planícies centrais substituiu as tradicionais atividades agrícolas pela indústria.

c) as regiões Sul e Oeste formam o "Sun Belt" (cinturão do Sol), que se destaca pela presença de indústrias de alta tecnologia.

d) a região de fronteira com o Canadá transformou-se em área industrial degradada.

e) as Rochosas apresentaram forte crescimento industrial graças à descoberta de inúmeras reservas minerais.


36 – As treze colônias inglesas, que futuramente formaram os EUA, apresentaram diferenças nos processos de colonização e nas relações que os colonos mantinham com a Inglaterra. As características que marcavam as colônias do Norte estão descritas na alternativa:
a) colônia de exploração, com uso de mão de obra escrava e cultivo de um só produto para exportação, com base no modelo de “plantation”.

b) colônia de povoamento, uso da mão de obra livre e assalariada e a ideia de se morar permanentemente no lugar por parte do colonizador.

c) colônia de povoamento com o uso da mão de obra escrava.

d) colônia de exploração com o uso da mão de obra livre, mas com a ideia de enriquecer e voltar para a metrópole.

e) as diferenças entre os modelos de colonização do Norte e do Sul provocaram a Guerra de Secessão de 1861 a 1865 e que terminou com a vitória do Sul.
37 – O Canadá teve forjadas a Geografia e a História, basicamente, ao longo dos 570 km do vale do rio São Lourenço, onde se situam algumas das mais importantes cidades daquele país, como Quebec, Ottawa, Toronto e Montreal. Com relação a este país da América do Norte, é correto afirmar que seu principal problema geopolítico:

a) são os conflitos étnicos verificados na parte meridional do país.

b) são os conflitos de migrantes canadenses com autoridades de fronteira dos Estados Unidos, ao sul. c) são as tentativas de separatismo, por parte de uma das mais importantes regiões, a província de Quebec.

d) é a diferença de idiomas e de etnias existentes no país.

e) é a ocorrência de grandes depósitos de ferro e carvão mineral, que despertaram a cobiça de grandes multinacionais dos Estados Unidos e da Europa.
38 - Sobre o Japão, marque a(s) alternativa(s) correta(s):
01. O país localiza-se numa área geologicamente instável, daí a ocorrência de terremotos e vulcões ativos.

02. 80% do território do país é montanhoso.

04. O território japonês não possui fronteiras terrestres com nenhum país do mundo.

08. O Japão é um país populoso e povoado.

16. As quatro maiores ilhas são Honshu, Tokkaido, Kyushu e Shikoku, sendo que Tóquio, a capital do Japão está localizado em Honshu.
39 – Sobre a questão dos povos autóctones do Canadá, marque a(s) alternativa(s) correta(s).
01. Os povos autóctones correspondem aos inuítes, indígenas e mestiços e representam 2% da população canadense.

02. As populações indígenas e em menor proporção, os inuítes sofreram um intenso genocídio nos últimos séculos.

04. A partir da metade do século XX, importantes recursos minerais foram encontrados nos territórios desses povos, gerando a cobiça das empresas canadenses e norte-americanas.

08. Em 1999 foi criado o território de Nunavut para abrigar os povos autóctones, em sua maioria inuítes.

16. Os inuítes são conhecidos por esquimós e vivem em sua maioria em territórios situados ao sul do Canadá.
40 - Marque a opção que relaciona corretamente as condições físicas encontradas em território japonês.

a) O território japonês é marcado pelo encontro de duas placas tectônicas que regularmente se chocam e geram terremotos no Japão, por sorte, não acontecem outros tipos de fenômenos ambientais.

b) As placas que se encontram sob o território do Japão são responsáveis pelos eventos tectônicos (terremotos e maremotos) que acontecem em torno de duas vezes por ano.

c) O território japonês é fruto de uma formação geológica antiga que sofre com fortes erosões, fazendo com que as pessoas imaginem estar em uma área de encontro de placas.

d) Como mostrado no mapa, nem todos os eventos tectônicos ocorrem em terra, sendo assim, os maremotos não geram consequências ao relevo e à população japonesa.

e) A grande área de encontro de placas localizadas no Japão, além de garantir uma enorme ocorrência de eventos tectônicos, como terremotos e tsunamis, afetou no montanhoso território do país.


41 – A indústria japonesa desenvolveu-se aceleradamente no Pós-Segunda Guerra Mundial. Entre outros motivos, esse fato deveu-se:
a) aos grandes investimentos de capitais norte-americanos em grupos industrializados japoneses;

b) à presença, no país, de grandes reservas de carvão, petróleo e minério de ferro;

c) à existência de grande mercado comprador representado pela China e pela Coréia do Sul;

d) à localização privilegiada do país em relação aos mercados americanos e europeus;

e) à existência, no país, de enormes reservas de ouro que permitiram elevadas exportações de capitais.

42 – Com relação às características populacionais do Japão, é verdadeiro afirmar que apresenta:


a) alta taxa de natalidade, alta densidade demográfica e baixa expectativa de vida.

b) alta taxa de crescimento vegetativo, baixa densidade demográfica e predomínio de população rural.

c) alta taxa de mortalidade, predomínio de população rural e alta expectativa de vida.

d) grande fluxo emigratório, predomínio de população urbana e baixa densidade demográfica.

e) baixa taxa de crescimento vegetativo, alta expectativa de vida e predomínio de população urbana.

43 – Cite os conjuntos de ilhas que formam a Oceania.

44 – A Austrália e a Nova Zelândia são países da Oceania. Sobre essas duas nações, julgue (V ou F):
( ) Ambas foram objeto da colonização britânica.

( ) Essas nações não são classificadas como pertencentes economicamente ao Primeiro Mundo, por se localizarem no hemisfério Sul.

( ) A Nova Zelândia fica ao sul do trópico de Capricórnio e, quanto mais se avança para o sul, mais frio o clima se torna.

( ) A Austrália possui uma grande diversidade de paisagens naturais, configuradas por desertos, estepes, savanas, florestas tropicais e subtropicais.

( ) O trópico de Capricórnio passa pela região central da Austrália. Portanto, sua porção norte situa-se na zona intertropical, e a porção sul, na zona temperada do hemisfério sul.
A sequência correta e respectiva é:

(A). F – V– F –V – F

(B). V – F –V –F – V

(C). V – F –V –V – V

(D). V – V –V –F – V

(E). V – V –V –V – V


45 – Totalizando 14 nações, a Oceania é o menor continente do planeta Terra. A maioria dos seus países possui pouca representatividade no cenário internacional, entretanto, duas nações da Oceania apresentam elevadas médias de Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Marque a alternativa que indica os países mais desenvolvidos desse continente.
a) Austrália e Samoa

b) Indonésia e Malásia

c) Nova Zelândia e Papua Nova Guiné

d) Austrália e Tuvalu

e) Austrália e Nova Zelândia.
46 – O Japão atualmente se destaca como país de alto desenvolvimento industrial. Observando o mapa nas áreas industriais do arquipélago japonês, vamos reconhecer que sua maior concentração e expansão está:
a) ao norte;

b) a nordeste;

c) a sudeste;

d) ao sul;

e) a oeste.
47 – Recentemente, a Austrália foi considerada referência como modelo de desenvolvimento econômico alternativo para as nações emergentes. Distante das áreas sob influência imediata das grandes potências mundiais, a Austrália desenvolveu-se de modo sustentável sobre seu território, de aproximadamente 7,7 milhões de km², ocupado por quase 21 milhões de habitantes, em 2007. Sobre esse país com características continentais, é correto afirmar:
01) É considerado uma nação rica, moderna e desenvolvida, com excelentes indicadores socioeconômicos, como alto IDH e elevada renda per capita.

02) Seus principais parceiros econômicos são os países pobres do Sudeste Asiático e da Oceania, sobre os quais mantém forte influência econômica, pois adquiriu status de potência mundial, após sua independência da Inglaterra, ao criar, juntamente com o Canadá, a África do Sul e a Nova Zelândia, a Comunidade Britânica das Nações

04) Originou-se da Comunidade Australiana, formada pelas seis ex-colônias britânicas, tendo adotado, como forma de governo, a monarquia e, como sistema de governo, o parlamentarismo; atualmente, o chefe de Estado é a rainha Elizabeth II, representada por um governador-geral, e o chefe de Governo é o primeiro-ministro.

08) Devido a condições geográficas adversas à ocupação humana, como a existência de grandes extensões de desertos no seu interior e as longas distâncias dos centros econômicos mundiais, a densidade demográfica tem permanecido baixa; houve um aumento na imigração de europeus, no período pós-guerra; e, mais recentemente, de diversas partes do mundo, porém sob severo controle do governo.

16) Abrange um conjunto de ilhas denominado Oceania, localizadas no Oceano Pacífico, às quais concedeu autonomia administrativa, e que pertencem à Comunidade Australiana das Nações, criada logo após a desocupação do domínio japonês pelas tropas norte americanas, no final da Segunda Guerra Mundial.
48 – Assinale a(s) alternativa(s) que apresentem corretamente fatores importantes que contribuíram para o grande desenvolvimento industrial do Japão, após a Segunda Guerra Mundial.
01. Aplicação de capitais norte-americanos.

02. Aproveitamento da mão-de-obra barata.

04. A aproximação do Japão com a União Soviética comunista.

08. à presença, no país, de grandes reservas de recursos minerais como carvão, petróleo e minério de ferro.

16. desenvolvimento da tecnologia aplicadas à indústria.
49 – Aponte uma razão que levou o até então bem-sucedido modelo japonês a passar por um processo de esgotamento desde os anos 1990.
50 – Que argumentos podemos utilizar para justificar por que geralmente se confunde a Austrália com a própria Oceania?
51 – Segundo a classificação da ONU sobre o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) pode-se considerar como correto aquilo que está expresso na alternativa:
a) Para a ONU, países desenvolvidos são aqueles que possuem IDH acima de 0,55.

b) O IDH situado na faixa de 0,55 e 0,80 caracteriza os países subdesenvolvidos segundo os critérios da ONU.

c) IDHs situados entre 0,8 e 1,0 caracterizam os países desenvolvidos segundo a ONU.

d) Para a ONU, a faixa de 0,55 a 0,80 no IDH indica os países subdesnvolvidos como o Brasil.

e) O IDH da ONU varia de 0 a 1. Quanto mais próximo de 1 menor é o desenvolvimento do país.
52 – (UEL-PR - adaptado) O IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) é elaborado considerando-se indicadores econômicos e sociais. Sobre o assunto, considere as afirmativas.
I. Trata-se de um índice que oculta a qualidade de vida de uma população por relacionar fenômenos independentes, ou seja, que não se relacionam.

II. Trata-se de um índice que demonstra as desigualdades socioeconômicas em diferentes escalas, pois combina indicadores de desenvolvimento social e econômico.

III. Trata-se de um índice que oculta ou mascara a realidade pois está limitado somente ao levantamento de indicadores de ordem econômica como o PIB per capita.

IV. Trata-se de um índice que oferece condições de se verificar a melhoria ou não nas condições de vida de uma população.


Assinale a alternativa correta:

a) Apenas as afirmativas I, II e III estão corretas.

b) Apenas as afirmativas I, II e IV estão corretas.

c) Apenas as afirmativas II, III e IV estão corretas.

d) Apenas as afirmativas I e III estão corretas.

e) Apenas as afirmativas II e IV estão corretas.


53 – Em 2006, o IBOPE divulgou uma pesquisa acerca da opinião do eleitor brasileiro sobre corrupção e ética, com o objetivo de tentar entender se os problemas éticos enfrentados pela sociedade brasileira estão concentrados nos “políticos” ou se há uma cultura na sociedade que avaliza a corrupção. Foram apresentados aos pesquisados 13 atos de corrupção, incluindo: dar uma “gorjeta” para se livrar de uma multa, sonegar impostos, receber benefícios do governo sabendo que não tem direito a eles, adquirir documentos falsos para obter algum tipo de vantagem, pedir mais de um recibo por um mesmo procedimento médico para obter mais reembolso do plano de saúde, comprar produtos que copiam os originais de marcas famosas, sabendo que são piratas ou falsificados, fazer ligação clandestina ou “gato” de TV a cabo do vizinho, entre outros. Os resultados mostraram que 69% dos eleitores brasileiros já transgrediram alguma lei ou descumpriram alguma regra contratual de forma consciente e intencional, para adquirir ganhos materiais, sendo que 75% afirmaram que cometeriam algum dos 13 atos de corrupção avaliados pelo estudo se tivessem oportunidade.

Fonte: http://reinehr.org/sociedade/saude-dasociedade/corrupcao-na-politica-eleitor-vitima-ou-cumplice


Indique a alternativa que está em acordo com o texto acima.

a) São as oportunidades proporcionadas pelos cargos públicos que levam o político a se corromper.

b) Os políticos são os responsáveis pela corrupção ao estimular a sonegação de impostos.

c) As pessoas corruptas já nascem corruptas.

d) A concordância de muitos cidadãos com atos de corrupção dificulta o combate à corrupção política.

e) Os políticos corruptos já nascem corruptos.

54 – Em 2015, o Japão obteve o mais alto índice de saúde calculado pelo Pnud. Que indicador social é levado em conta nesse cálculo?
a) A taxa de mortalidade dos jovens entre 15 e 19 anos.

b) A expectativa de vida da população.

c) O número de pessoas com acesso a saneamento básico.

d) A relação entre o número de hospitais disponíveis e o tamanho da população do país.

e) A taxa de natalidade da população.
55 – A diferença entre renda nacional e renda per capita é que:
a) a renda nacional é a soma de todos os rendimentos de um país, e a renda per capita é a renda de apenas uma pessoa.

b) a renda nacional é a soma de todos os rendimentos de um país, e a renda per capita é o valor médio de rendimentos por habitantes.

c) a renda nacional é o valor médio de rendimentos por habitantes em um determinado país, e a renda per capita é o rendimento de apenas uma pessoa.

d) a renda nacional é um indicador econômico, e a renda per capita é um indicador social.

e) ambos são indicadores sociais de medição de qualidade de vida de uma população.
56 – O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é uma medida comparativa usada para classificar a qualidade de vida oferecida por um país aos seus habitantes. Analise a tabela a seguir:

Pode-se concluir corretamente que

a) a Etiópia, por contar com qualidade nos serviços de saúde e de saneamento ambiental, ampliou a expectativa de vida de seus habitantes.

b) o Zimbábue apresenta a média de anos de escolaridade igual à do Brasil e tem o Rendimento Nacional Bruto superior ao da Etiópia.

c) Cuba, apesar de ter o rendimento nacional bruto elevado, não investe no setor educacional e na saúde de sua população.

d) a Argentina, por estar em crise econômica, apresenta os índices de renda, educação e saúde inferiores aos do Brasil.

e) a Noruega tem a maior classificação no IDH por, entre outros fatores, garantir vários anos de escolaridade para seus habitantes.
57 – Indicadores socioeconômicos são utilizados como referenciais para se medirem índices de qualidade de vida das populações. Sobre esses indicadores, assinale o que for correto.
01) Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é um indicador social que reflete três variáveis básicas para uma qualidade de vida: a expectativa de vida ao nascer, a escolaridade e a renda per capita.

02) O PIB reflete com bastante fidelidade o grau de desenvolvimento econômico de um país.

04) O valor anual do Produto Nacional Bruto determina a renda nacional de um país

08) Produto Interno Bruto (PIB) é o valor agregado dos bens e serviços gerados dentro de um território nacional.


58 – Com base na análise do mapa sobre a Distribuição do IDH Mundial, analise as proposições seguintes.


01. A Austrália é o único país da Oceania a possuir um IDH elevado.

02. Na América Latina, o maior índice é visto no Chile, no Uruguai e na Argentina.

04. Na América Anglo-Saxônica, esse indicador se apresenta superior a 0,8, o que lhe garante uma condição de elevado.

08. A maior parte dos países africanos possui um IDH inferior a 0,5, estando, portanto, bastante distante de 1, valor máximo a ser alcançado pelo referido índice.

16. De acordo com o mapa apresentado, podemos concluir que os países que apresentam os mais elevados IDHs correspondem àqueles considerados como desenvolvidos.

59 – Anualmente, a ONU divulga, em meados ou no fim de cada ano, a famosa lista do IDH. Sobre o IDH brasileiro, analise as assertivas a seguir:


I. No IDH, leva-se em consideração a expectativa de vida, o tempo de escolaridade e a renda corrigida pelo poder de compra.

II. O IDH do Brasil vem evoluindo lentamente, fazendo com que o país apresente um índice igual a 0,800, podendo-se considerá-lo elevado.

III. Em razão de seu crescimento econômico contínuo, pode-se afirmar que o IDH brasileiro já é homogêneo em todo o território nacional.
Estão corretas as assertivas:
A) I, II e III;

B) II e III;

C) I e III;

D) I e II;

E) Apenas I.
60 – Cite os critérios para se estabelecer o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).
61 – Explique o que é Nova Ordem Mundial e a globalização.
62 – Leia o texto e, a seguir, aponte a alternativa que se adeque à sua interpretação:

“A máquina a vapor, tornando possível o uso da energia em todos os artifícios mecânicos, em quantidades maiores do que qualquer outra coisa conseguiria realizar no passado, foi a chave para tudo o que ocorreu em seguida, sob o nome de Revolução Industrial. A face do mundo mudou mais drasticamente (e mais rapidamente) do que em qualquer outra época desde a invenção da agricultura, cerca de 10 mil anos antes.” (ASIMOV, I. Cronologia das Ciências e das Descobertas. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1993, p. 395).


a) O autor acentua o caráter prejudicial da máquina a vapor para a agricultura.

b) Segundo o texto, a máquina a vapor foi decisiva para o advento da Revolução Industrial, já que este foi o primeiro dispositivo tecnológico que realizou uma transformação profunda no âmbito da produção.

c) O autor aponta o caráter negativo da mudança drástica e rápida que a Revolução Industrial provocou no mundo contemporâneo.

d) Sgundo o texto, a máquina a vapor era eficiente porque funcionava à base de eletricidade.

e) O texto indica que a agricultura, durante 10.000 anos, impediu que a indústria se desenvolvesse.
63 – Revolução Industrial

A primeira etapa da Revolução Industrial

Entre 1760 a 1860, a Revolução Industrial ficou limitada, primeiramente, à Inglaterra. Houve o aparecimento de indústrias de tecidos de algodão com o uso do tear mecânico. Nessa época, o aprimoramento das máquinas a vapor contribuiu para a continuação da Revolução.

A segunda etapa da Revolução Industrial

A segunda etapa ocorreu no período de 1860 a 1900. Ao contrário da primeira fase, países como Estados Unidos da América, Alemanha, França, Rússia e Itália também se industrializaram. O emprego do aço, a utilização da energia elétrica e dos combustíveis derivados do petróleo, a invenção do motor a explosão e o desenvolvimento de produtos químicos foram as principais inovações desse período.

A terceira etapa da Revolução Industrial

Alguns historiadores têm considerado os avanços tecnológicos do século 20 e 21 como a terceira etapa da Revolução Industrial. O computador, o fax, a engenharia genética, o celular são algumas das inovações dessa época.

Disponível em: . Acesso em: 19/10/2013, com adaptações.

Quanto à dinâmica da Revolução Industrial, julgue os itens a seguir, assinalando a(s) correta(s):

01. O capital acumulado com a exploração das colônias americanas foi fundamental para que a Inglaterra promovesse a primeira Revolução Industrial.

02. A Revolução Industrial foi também uma evolução energética. A descoberta de novas fontes de energia impulsionou e revolucionou a produção fabril.

04. Com o advento da Terceira Revolução Industrial, a exploração da mão de obra chega ao fim. O desenvolvimento tecnológico atual exige trabalhadores qualificados e bem remunerados.

08. A Terceira Revolução representa o momento de eliminação das barreiras tecnológicas entre os países. Eles se tornam equânimes, independentes do seu posicionamento geográfico.

16. O Brasil, em função do seu posicionamento na divisão internacional do trabalho, participou ativamente da dinâmica das três revoluções.


64 – Tendo como base os aspectos que definiram a Primeira Revolução Industrial, considere as afirmativas a seguir:

I. Inicia-se nas últimas décadas do século XVIII e estende-se até meados do século XIX. A invenção da máquina a vapor e o uso do carvão como fonte de energia primária marcam o início das mudanças nos processos produtivos.

II. O Reino Unido foi o primeiro país a reunir condições básicas para o início da industrialização devido à intensa acumulação de capitais no decorrer do Capitalismo Comercial.

III. Os mais destacados segmentos fabris desta fase foram o têxtil, o metalúrgico e o de mineração.

IV. As transformações produtivas desta fase atingiram rapidamente outros países como a Alemanha, França e Estados Unidos ainda no Século XVIII recrutando operários com salários atrativos promovendo, assim, um intenso êxodo rural. Estão corretas,

a) apenas I, II e III.

b) apenas I, II e IV.

c) apenas II, III e IV.

d) apenas I, III e IV.

e) I, II, III e IV.


65 – Sobre a Revolução Informacional e suas implicações para a reorganização do mundo contemporâneo, podemos afirmar que:
a) Alguns Estados e um conjunto diminuto de grandes empresas controlam o essencial da revolução tecnológica em curso, atualizando o desenvolvimento geograficamente desigual.

b) Dado o alcance planetário do sistema técnico informacional, a população tem amplo acesso a uma informação verdadeira que unifica os lugares, tornando o mundo uma democrática aldeia global.

c) Há um acentuado enfraquecimento das funções de gestão das metrópoles, processo determinado pela descentralização da produção, apoiada no uso intensivo das tecnologias da informação e comunicação.

d) Os mais diversos fluxos de informações perpassam as fronteiras nacionais, anulando o papel do Estado-Nação como ente regulador e definidor de estratégias no jogo político mundial.


66 – Na segunda metade do século XX, o mundo passou a conviver com a chamada “Terceira Revolução Industrial”, fenômeno decorrente da alteração dos meios de produção, em função dos avanços tecnológicos, resultando uma nova plasticidade da dinâmica capitalista.

A respeito da denominada “Terceira Revolução Industrial”, sua definição, características e implicações nas relações políticas e sociais, analise as afirmações a seguir.

I. Trata-se da consolidação da “Segunda Revolução Industrial”, caracterizada pelo grande investimento e implementação de novas tecnologias, notadamente por fazer cessar o processo de obsolescência de tecnologias verificado no estágio antecedente.

II. As contínuas e expressivas transformações tecnológicas desta nova realidade têm determinado maciços investimentos na área de capacitação de pessoal em um processo de demanda contínua por mão de obra cada vez mais qualificada.

III. Ocorre em substituição ao esgotamento do sistema fordista, conservando, entretanto, o conceito de produção em série, já que é a única maneira possível de atender a um aumento de demanda sempre crescente em função da globalização da economia.

IV. Processo que culminou com expressivos investimentos em pesquisa tecnológica, oferta de incentivos fiscais e de um reordenamento econômico assentado nos ideais de competitividade, redução de custos de produção e distribuição para um mercado cada vez mais global.

V. Determinou a adoção de uma produção mais flexível, visando atender a mercados específicos com bens particularizados e, em consequência, na reorganização do espaço industrial. A instalação de unidades industriais em determinada localidade fica vinculada, além de outros aspectos, à localização de outras indústrias fornecedoras de peças, de eventuais incentivos fiscais, de mão de obra qualificada e potencial mercado consumidor.

Estão corretas, somente,

a) I, II, III e V.

b) I, II e IV.

c) I, IV e V.

d) II, IV e V.



e) III, IV e V.

.


Compartilhe com seus amigos:


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal