Aluno: fabio henrique barbosa neves. Data: atividade estruturada carta de liberdade



Baixar 29.32 Kb.
Página1/4
Encontro17.03.2020
Tamanho29.32 Kb.
  1   2   3   4

UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ

CURSO:HISTÓRIA

DISCIPLINA:INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA HISTÓRIA

PROFESSOR:JOÃO CERINEU.

ALUNO:FABIO HENRIQUE BARBOSA NEVES. DATA:

ATIVIDADE ESTRUTURADA



CARTA DE LIBERDADE

(LIVRO 6 -1872 a 1873)

Sebastiana, Isabel (sua mãe, escrava da mesma senhora); preta; Sra. Balbina Peres Vieira (viúva em segunda núpcias de Francisco Vieira de Brito); dl.conc.05-05-72; dt.reg 05-05-72 (livro 6, p. lov) Des: A carta foi concedida em virtude da escrava haver nascido no Estado oriental do Uruguai em 20-01-53, quando sua senhora lá residia com seu primeiro marido desde o ano de 1844 até 1854 (...) tem sido considerada até hoje ignorar ela o direito a sua liberdade pelo fato de haver nascido naquele estado hoje porém bem informada do direito que assiste à referida Sebastiana pela presente a declaro livre. Por não saber escrever, a senhora pediu a Tito Teixeira de Almeida que a assinasse a rogo.

Significado de uma carta de alforria na minha compreensão leva o escravo para uma outra dura realidade além de ser capturado e levado a força, para ser liberto o escravo deve ser obediente e trabalhar muito em um longo tempo para pagar sua liberdade, em uma condição envolto de burocracia onde o escravizado deve cumprir com as regras descritas no papel. As cartas de liberdade seria uma ferramenta de subordinar e manipular a situação da época onde o escravo tinha dois caminhos aderir, a busca pela carta de alforria ou fugir, a carta então seria a ferramenta para diminuir o ímpeto de revoltosos e induzi-los ao trabalho escravo freando uma guerra civil. Selecionei a carta da escrava Sebastiana que ignorava a condição de ser livre, onde a mesma nasceu no Uruguai Oriental, nesse Estado não existia escravidão, entendo que ela poderia não exercer sua liberdade por falta de conhecimento do direito mas acredito que era complexo o escravo exercer a condição de liberdade em uma sociedade com escravidão, a violência e todo tipo de descriminação não deixaria de existir por causa de uma carta, onde o que imperava era uma cultura em base da exploração e opressão.






Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal