Alguns minutos com tua mãe obrigado


MARIA NOS PRECEDE, POR NÓS INTERCEDE E NOS ESPERA



Baixar 152.63 Kb.
Página12/34
Encontro08.02.2022
Tamanho152.63 Kb.
#21498
1   ...   8   9   10   11   12   13   14   15   ...   34
MARIA NOS PRECEDE, POR NÓS INTERCEDE E NOS ESPERA

Maria nos precede nos caminhos da salvação e do amor. Ela é a primeira a estar atenta à voz de Gabriel, a primeira a quem é revelado o nome do menino, “Jesus”; é a primeira a repetir mil vezes o nome do Filho, ao longo do dia. Em seu coração de Mãe tem origem a devoção ao nome de Jesus. Nos evangelhos ela é a primeira acolhida, a primeira abençoada, a primeira louvada e proclamada bem-aventurada; a primeira ainda sobre a qual se projeta a sombra da cruz. Ela é primeira também em Caná, junto à cruz, na casa do discípulo amado; presente na primeira oração da Igreja que espera a vinda do Espírito. Maria verdadeiramente nos precede. Ela é profetizada no primeiro livro das Escrituras, o Gênesis, na mulher cuja descendência vai esmagar a cabeça da serpente (Gn 3, 15); vamos reencontrá-la no último livro das Escrituras, o Apocalipse, como a mulher vestida de sol (Ap 12, 1...9).


Essa mulher que nos precede, também intercede por nós e nos diz que ir a Jesus é aproximar-nos dos homens. O exemplo mais evidente é o de Caná: o vinho vem a faltar na festa do amor. Maria percebe e, quando o amor é ameaçado, tem o instinto de ir a seu Filho, aquele que é a verdadeira vinha e fonte do amor. Ele lhe diz: “Eles não têm mais vinho” (Jo 2, 3), o que, em sentido profundo, significa “eles não têm amor”! De Jesus, a fonte, vai escorrer um vinho abundante, inexaurível, que brota a cada palavra da Palavra e a cada Eucaristia: “Tomai e bebei, isto é o meu sangue!” (Mt 26, 27-29).
A presença de Maria junto à cruz é igualmente uma presença intercessora: ser um com o Filho, no amor e na morte, é ligar toda a humanidade com a humanidade de Jesus. No Calvário, Maria é a mãe de Jesus e também, a Igreja de Jesus; é a humanidade que nasce do lado de Jesus. A intercessão, aqui, é união ao Senhor que morre. Nasce uma humanidade nova aos pés da Cruz: “Mulher, eis aí o teu filho... Eis aí a tua mãe.” Sobre essa humanidade nova, primeira célula da Igreja, Jesus sopra seu Espírito: “E inclinando a cabeça, entregou o Espírito” (Jo 19, 26-27.30).
Maria é também intercessão no Cenáculo; ela integra o primeiro grupo dos discípulos de seu Filho; com eles participa da primeira oração da Igreja, uma oração de espera pelo Espírito, que invoca o Espírito. Dentro da Igreja, Maria é a mãe que reza pela mãe Igreja, reza por todos os membros da Igreja, invocando sobre eles a abundância do Espírito. Maria continua presente na Igreja, hoje, e atrai o Espírito para nós. Se procurarmos Maria, encontrá-la-emos na Igreja.
Essa expectativa da Mãe se torna sensível observando o lugar que lhe é atribuído: no começo do evangelho de Lucas, quando tudo começa, quando o Filho vem; depois no início dos Atos, quando o Espírito vem e quando a Igreja começa. Maria está presente nos inícios. João reserva um lugar para Ela no primeiro sinal, aquele de Caná, e no último, o da Cruz. A vida pública de Jesus está como que contida nessa dupla presença da Mãe. Maria está no começo e no fim: ela precede, intercede e espera.
Uma surpreendente inclusão, a que já aludimos, torna Maria presente no começo do primeiro livro das Escrituras, o Gênesis, e no último, o Apocalipse: Ela está, pois, presente na origem e na conclusão dos tempos. Nós ainda não estamos no fim dos tempos; Maria sim, já o está, no Apocalipse; Ela nos espera.
Trata-se de uma presença de Mãe, presença a serviço do Filho. É Ele que esmaga a cabeça da serpente; Ele, o esperado e anunciado por Gabriel; é Ele que garante o vinho da festa e morre na cruz como único Salvador. A Igreja e o Espírito o invocam nos últimos versículos do Apocalipse: “O Espírito e a Esposa dizem: “Vem”! Aquele que ouve também diga: “Vem”! (Ap 22, 17a)

Primeira e última, Maria é a serva que precede o Senhor, para que tudo esteja pronto para a festa do amor. O esposo, no entanto, é o Senhor.






  1. Baixar 152.63 Kb.

    Compartilhe com seus amigos:
1   ...   8   9   10   11   12   13   14   15   ...   34




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal