Alguém Tem Que Pagar!



Baixar 54.02 Kb.
Pdf preview
Página5/7
Encontro17.03.2020
Tamanho54.02 Kb.
1   2   3   4   5   6   7
DEUS RETRIBUIU

Novamente, temos uma história que está

cheia de matança, deslealdade e iniqüidade.

Quando esses acontecimentos ocorreram, milha-

res de pessoas devem ter clamado por justiça, e

se convencido de que a justiça não passava de

um sonho. No final, porém, a justiça foi feita.

Uma mensagem que é claramente ensinada nesta

história é que foi Deus quem equilibrou a balança

da justiça.

Fazia três anos que Abimeleque governava Is-

rael, quando Deus enviou um espírito maligno

entre Abimeleque e os cidadãos de Siquém, e

estes agiram traiçoeiramente contra Abimele-

que.  Isso aconteceu para que o crime  contra os

setenta filhos de Jerubaal, o derramamento do

sangue deles, fosse vingado em seu irmão

Abimeleque e nos cidadãos de Siquém que o

ajudaram a assassinar os seus irmãos (9:22–24;

NVI, grifo meu).

Assim Deus retribuiu a maldade que Abimeleque

praticara contra o seu pai, matando os seus

setenta irmãos. Deus fez também os homens de

Siquém pagarem por toda a sua maldade. A maldi-

ção de Jotão, filho de Jerubaal, caiu sobre eles

(9:56, 57; NVI, grifo meu).

As Escrituras ensinam que Deus é justo e

julgará o mundo com justiça. Os assassinos de

Ruanda serão castigados. O abuso de crianças e

a perseguição a pessoas inocentes serão retri-

buídos. Cada roubo, cada estupro, cada traição e

cada mentira serão tratados por Deus. Alguém

vai ter que pagar!

A confiança na justiça final é muito mais do

que uma certeza teológica; é o fundamento para

se viver com amor e perdão na era presente.

Sabendo que Deus equilibrará a balança da justiça

no final, estamos livres da compulsão de procurar

nossa própria vingança. Paulo combinou essas

duas idéias, o julgamento de Deus e o estilo de vi-

da do cristão, em sua carta aos cristãos de Roma:

Não torneis a ninguém mal por mal; esforçai-

vos por fazer o bem perante todos os homens;

se possível, quanto depender de vós, tende paz

com todos os homens; não vos vingueis a vós

mesmos, amados, mas dai lugar à ira; porque

está escrito: A mim me pertence a vingança; eu

é que retribuirei, diz o Senhor. Pelo contrário,

se o teu inimigo tiver fome, dá-lhe de comer; se

tiver sede, dá-lhe de beber; porque, fazendo

isto, amontoarás brasas vivas sobre a sua cabeça.

Não te deixes vencer do mal, mas vence o mal

com o bem (Romanos 12:17–21).

Num mundo em que quadrilhas exemplifi-

cam o ciclo interminável de violência, vingança

e mais violência, Deus deixa o Seu povo livre da

insanidade de retribuir prometendo que Ele

mesmo fará justiça. Isto nem sempre acontece

imediatamente. Há crimes que não são desven-

dados e pessoas perversas muitas vezes ficam

anos impunes. Apesar disso, podemos ter certeza

de que, no final de tudo, alguém vai pagar!



Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal