Alas costa rica 2015 gt 17 reestructuración productiva, trabajo y dominación social auto-organizaçÃo social em espaços de trabalho e produçÃO: notas para uma crítica à economia solidária



Baixar 127.69 Kb.
Página1/15
Encontro08.10.2019
Tamanho127.69 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   15

ALAS COSTA RICA 2015

GT 17 - REESTRUCTURACIÓN PRODUCTIVA, TRABAJO Y DOMINACIÓN SOCIAL

AUTO-ORGANIZAÇÃO SOCIAL EM ESPAÇOS DE TRABALHO E PRODUÇÃO: NOTAS PARA UMA CRÍTICA À ECONOMIA SOLIDÁRIA
Cassio Brancaleone - Erechim/Brasil

Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).

Grupo de Pesquisa Anticapitalismos & Sociabilidades Emergentes (GPASE).

Contato: cassiobrancaleone@gmail.com



RESUMO:
O debate contemporâneo sobre experiências contrahegemônicas e alternativas de organização do trabalho e da produção se encontra hoje no Brasil dominado pela gramática cada vez mais institucionalizada da assim chamada “economia solidária”. Disseminadamente conhecidas como “cooperativas” ou “fábricas e empresas recuperadas”, muitas dessas experiências evidentemente não são novas, remontando às primeiras práticas de resistência e de auto-organização social e econômica vivenciadas protagonicamente pela classe trabalhadora. Ao mesmo tempo, sua condição e potencial de “alternativa” societária em variadas circunstâncias é minimizada e mesmo colocada em xeque pelo modo como estas se inserem no âmbito de relações de subordinação e dependência com agências, mecanismos e operadores do Estado e do mercado capitalista. O trabalho em questão, fruto de um processo de pesquisa em curso, pretende apresentar um suscinto balanço crítico do repertório teórico mobilizado pelo movimento autodenominado como economia solidária à luz das teorias da autogestão oriundas do campo anarquista e marxista heterodoxo, confrontando-o com as perspectivas e propostas da chamada “escola da economia participativa” (PARECON), objetivando contribuir com elementos para a organização e sistematização de uma proposta de marco teórico que seja capaz de subsidiar a reflexão e análise relativas às experiências contemporâneas de auto-organização social no campo do trabalho e da produção no Brasil.

Catálogo: acta -> 2015 -> GT-17
2015 -> Relativismo e universalismo: a dialética intercultural como condiçÃo de possibilidade dos direitos humanos na sociedade multicultural ana Leticia Anarelli Rosati Leonel Universidade do Vale do Rio dos Sinos – unisinos – Brasil resumo
2015 -> Congreso alas, costa rica 2015 ponencia redes complexas, sociais e sociotécnicas ana camila garcía lópez
2015 -> Ies capitalistas: o ensino como mercadoria1 Wesley Pereira Lobo de Lima2 Resumo
2015 -> O consumo cultural da leitura
2015 -> A presença indígena na Universidade Federal do Rio Grande do Sul: uma análise sobre o perfil dos inscritos no Processo Seletivo Específico
GT-17 -> Xxx congreso alas costa Rica, 2015 gt 17 Reestructuración Productiva, Trabajo y Dominación social Canavieiros no Nordeste brasileiro: trabalho assalariado formal e informal
2015 -> O lugar da infância na escola de tempo integral no brasil. Resultado de investigación finalizada
2015 -> Raparigas modernas
GT-17 -> DescentralizaçÃo produtiva, flexibilizaçÃo e precarizaçÃo do trabalho na idústria de catalãO (GO)


Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   15


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal