Acordos mundiais



Baixar 297.32 Kb.
Pdf preview
Página9/13
Encontro21.12.2022
Tamanho297.32 Kb.
#26168
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   13
21443
Trabalho escolar, Primeira Revolução Industrial 102131
e
ducação 
a
mbiental
77 
forma, o caminho é firmar um desenvolvimento econômico sustentável, 
incrementar a oferta de alimentos, a renda real, os serviços educacionais, os 
cuidados com a saúde, etc. O desenvolvimento destes projetos sustentáveis 
exige a organização social das populações para que o processo seja plenamente 
participativo e as comunidades se sintam engajadas e responsáveis pela 
conservação dos recursos naturais (IBAMA, 2013). 
É importante o reconhecimento dessas populações tradicionais e a 
identificação de seus conhecimentos, pois normalmente são ou foram 
produzidos em áreas com elevado grau de biodiversidade. Nesse sentido, esses 
conhecimentos trazem muitos benefícios e contribuições para a compreensão 
do funcionamento destes sistemas complexos e consequentemente melhoria da 
administração e proteção dessas áreas e comunidades. É importante ainda 
ressaltar que a proteção das comunidades tradicionais também contribui para a 
proteção das áreas naturais na qual elas estão inseridas, já que apresentam um 
modo de vida bastante capaz de equilíbrio com a natureza (PEREIRA; 
DIEGUES, 2010). 
É inegável, seja por meio de suas crenças, de seus costumes, seus 
valores e seus conhecimentos, a contribuição desses povos para a conservação 
de áreas naturais. É importante ainda, o efetivo incentivo a participação dessas 
populações na elaboração de leis e também políticas de conservação e 
permanência dessas comunidades em suas áreas originais. 
Desse modo, a partir do exposto, pode-se perceber que a Declaração do 
Rio sobre Meio Ambiente, é documento que ainda se mostra bastante atualizado. 
Esse retrato revela que as questões ambientais, sociais e políticas necessitam 
ainda de mais atenção e exige maior empenho dos chefes de Estado. 
Não bastam as reuniões e tentativas de acordos, não bastam documentos 
que estabeleçam normas, não bastam as constantes tentativas de abordagem 
das questões ambientais nos Planos de Governos. Existe uma real necessidade 
da inclusão das questões socioambientais nas ações governamentais. Precisa-
se de empenho dos chefes de Estado e também de todos os setores da 
sociedade no compromisso assumido desde a Rio-92.
O esgotamento dos recursos naturais é uma realidade. Os avanços nas 
discussões e nos planos de ação devem ser imediatos. Requer planejamento, 
determinação, vontade política, engajamento da sociedade, compromisso de 
todos os setores para possíveis soluções quanto aos problemas 
socioambientais, que extrapolam o meio natural e agrega todos os fatores sociais 
na qual permite a denominação de sociedade. 


Revbea, São Paulo, V. 10, N
o
3: 69-81, 2015. 
revista brasileira 
de 

Baixar 297.32 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   13




©historiapt.info 2023
enviar mensagem

    Página principal