A quebra da autoridade do historiador acadêmico sobre a produção do conhe



Baixar 152.93 Kb.
Pdf preview
Página4/7
Encontro17.03.2020
Tamanho152.93 Kb.
1   2   3   4   5   6   7
Lições de história: da história científica à crítica da razão metódica. Rio de janeiro: 

Ed. FGV; Porto Alegre: Ed. PUC-RS, 2013.

CHARTIER, Roger. A aventura do livro: do leitor ao navegador. São Paulo: Ed. Unesp; 

Imprensa Oficial, 1998.

_______. Leituras e leitores na França do Antigo Regime. São Paulo: Ed. Unesp, 2003.

_______.; CAVALLO, Guglielmo (Org.) História da leitura no mundo ocidental 1. São 

Paulo: ática, 1998.

_______.; CAVALLO, Guglielmo (Org.) História da leitura no mundo ocidental 2. São 

Paulo: ática, 1999.

COCKIN, Georg. History’s moral turn. Journal of history of ideas, v.69, n.2, p.293-315, 

2008.

CULLER, jonathan. On Deconstruction: Theory and Criticism after Structuralism. Itha-



ca, NY: Cornell University Press, 1982.

_______. Literary Theory: A Very Short Introduction. Oxford: Oxford University Press, 

1997.



Os historiadores e seus públicos: desafios ao conhecimento histórico na era digital

149


Revista Brasileira de História, vol. 37, n

o

 74  



  pp. 135-154

dAINES III, j. G.; NIMER, Cory L. Introduction. The Interactive Archivist, 18 May 

2009. disponível em: http://interactivearchivist.archivists.org/#footnote13; Acesso 

em: 12 maio 2016.

dARNTON, Robert. O beijo de Lamourette: mídia, cultura e revolução. São Paulo: 

Companhia das Letras, 2010a.

_______. Boemia literária e Revolução: o submundo das letras no Antigo Regime. São 

Paulo: Companhia das Letras, 1987.

_______. A questão dos livros: passado, presente e futuro. São Paulo: Companhia das 

Letras, 2010b.




Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal