A missão no coraçÃo da ordem


– A Ordem inteira é força missionária



Baixar 248.22 Kb.
Página12/20
Encontro08.10.2019
Tamanho248.22 Kb.
1   ...   8   9   10   11   12   13   14   15   ...   20
2.2 – A Ordem inteira é força missionáriaCom as condições mudadas parece que também hoje constatamos a situação em que a missão foi posta nas mãos e na responsabilidade da única fraternidade que é a Ordem. O empenho pela missão é coisa séria. Naquele tempo como hoje não se sustemtam as considerações que afirmam que há muito para fazer onde nós estamos. Não se trata disto! O que escrevia frei Anastasius Hartmann a respeito dos superiores, se poderia dizer hoje, em geral, para cada um dos frades: “O motivo principal pelo qual os Superiores Provinciais e locais têm em pouca consideração as missões é devido ao temor de perder os melhores membros da Ordem, que eles consideram serem indispensáveis à Província. Por isso, a quem manifesta o desejo de dirigir-se às Missões é posto ante os olhos, recorrendo às cores mais vivazes, a situação de indigência da Província. Apela-se para consciência e assim se faz vacilar de todo modo o santo propósito… O preconceito contra as missões infelizmente é tão arraigado que qualquer um que queira ir para as Missões é considerado um desertor e perde o bom nome… Se descreve como na própria pátria pululam os infiéis, quem quiser pode empenhar seu zelo apostólico mas não deve ir além do Oceano”13.




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   8   9   10   11   12   13   14   15   ...   20


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal