A guerra da Arte


A RESISTÊNCIA RECRUTA ALIADOS



Baixar 0.57 Mb.
Pdf preview
Página9/54
Encontro07.07.2022
Tamanho0.57 Mb.
#24164
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   ...   54
A Guerra da Arte - Steven Pressfield
A RESISTÊNCIA RECRUTA ALIADOS
Por definição, Resistência é auto-sabotagem. Mas existe um perigo
paralelo contra o qual também é preciso se precaver da sabotagem cometida
por outros.
Quando um escritor começa a superar sua Resistência - em outras
palavras, quando começa realmente a escrever - ele pode verificar que as
pessoas próximas começam a agir de modo estranho. Podem se tornar
amuadas ou mal-humoradas, podem adoecer, podem acusar o novo escritor
de "estar mudado" de "não ser mais quem era". Quanto mais próximas essas
pessoas forem do escritor iniciante, de forma mais bizarra irão agir e mais
emoção colocarão por trás de seus atos.
Estão tentando sabotá-lo.
A razão é que essas pessoas estão, conscientemente ou não, lutando
contra sua própria Resistência. O sucesso do recém-revelado escritor torna-se
uma censura a elas. Se ele consegue vencer esses demônios, por que elas
não?
Em geral, amigos próximos ou casais, até mesmo famílias inteiras,
deixam-se levar em tácitos acordos pelos quais cada indivíduo compromete-
se (inconscientemente) a se manter atolado no mesmo lamaçal em que ele e
seus colegas passaram a se sentir tão confortáveis. A mais alta traição que um
caranguejo pode cometer é saltar para a borda do balde.
O artista deve ser implacável, não só consigo mesmo, mas também com
os outros. Uma vez vencida a Resistência, não pode voltar para puxar seu
colega que ficou preso pelas calças no arame farpado. O melhor que pode
fazer por esse amigo (ele próprio lhe dirá isso, se for realmente seu amigo) é
pular o muro e seguir em frente.
A melhor e única coisa que um artista pode fazer por outro é servir de
exemplo e de inspiração.


Agora, consideremos o próximo aspecto da Resistência os sintomas.



Baixar 0.57 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   ...   54




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal