A guerra da Arte



Baixar 0.57 Mb.
Pdf preview
Página37/54
Encontro07.07.2022
Tamanho0.57 Mb.
#24164
1   ...   33   34   35   36   37   38   39   40   ...   54
A Guerra da Arte - Steven Pressfield
INVOCANDO A MUSA
PARTE DOIS
Antes de conhecer Paul, nunca ouvira falar nas musas. Ele me iluminou.
As musas são nove irmãs, filhas de Zeus e de Mnemosine, que significa
"memória". Chamam-se Clio. Erato, Talia,Terpsícore, Calíope, Polírnnia,
Euterpe, Melpómene e Urânia. Sua função é inspirar os artistas. Cada musa é
responsável por uma arte diferente. Há um bairro em Nova Orleans onde as
ruas têm os nomes das musas. Eu já havia morado lá e não fazia a menor
ideia; achava que eram apenas nomes esquisitos.
Eis o que diz Sócrates, em Faedra, de Platão, sobre o "nobre efeito da
loucura enviada pelo céu":
O terceiro tipo de possessão e loucura é a possessão pelas Musas.
Quando se apodera de uma alma virgem e meiga, enleva-a a uma
expressão inspirada de poesia lírica e outros tipos de poesia, e
glorifica incontáveis façanhas de antigos heróis para conhecimento da
posteridade. Mas se um homem chega à porta da poesia intocado pela
loucura das Musas, acreditando que apenas a técnica f M á dele um
bom poeta, ele e suas sãs composições nunca atingem a perfeição, mas
são completamente eclipsadas pelo desempenho do louco inspirado.
A maneira grega de compreender o mistério era personificá-lo. Os antigos
pressentiam as poderosas forças primordiais do mundo. Para torná-las
acessíveis, conferiam-lhes rostos humanos. Chamavam-nas de Zeus, Apolo,
Afrodite. Os índios norte-americanos sentiam o mesmo mistério, mas
representavam- no em formas anímicas — Professor Urso, Mensageiro
Falcão, Trapaceiro Coiote.
Nossos ancestrais eram profundamente cônscios das forças e energias que


não pertencem a esta esfera material, mas a outra mais elevada e mais
misteriosa. Em que eles acreditavam a respeito desta realidade superior?
Primeiro, acreditavam que a morte não existia lá. Os deuses eram
imortais.
Os deuses, embora semelhantes aos humanos, são infinitamente mais
poderosos. É inútil desafiar sua vontade. Agir com uma atitude arrogante em
relação ao céu é atrair a desgraça.
O tempo e o espaço exibem uma existência alterada nesta dimensão
superior. Os deuses viajam ''com a rapidez do pensamento". Podem prever o
futuro, alguns deles, e embora o dramaturgo Ágaton nos diga:
Somente um poder é negado aos deuses:
Desfazer o passado
os imortais podem fazer travessuras com o tempo, como nós mesmos às
vezes, em sonhos e visões.
O universo, segundo os gregos, não era indiferente. Os deuses interessam-
se pelos problemas humanos e intercedem para o bem ou para o mal em
nossos desígnios.
A visão contemporânea é que tudo isso é encantador, porém absurdo.
Será mesmo? Então, responda a isso. De onde Hamlet veio? De onde veio o
Pártenon? De onde veio o Nu descendo uma escada?



Baixar 0.57 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   33   34   35   36   37   38   39   40   ...   54




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal