A guerra da Arte


O primeiro dever e sacrificar-se aos deuses e



Baixar 0.57 Mb.
Pdf preview
Página35/54
Encontro07.07.2022
Tamanho0.57 Mb.
#24164
1   ...   31   32   33   34   35   36   37   38   ...   54
A Guerra da Arte - Steven Pressfield
O primeiro dever e sacrificar-se aos deuses e
rogar-Ihes que lhe concedam as ideias, palavras e
atos capazes de tornar o seu comando o mais
agradável possível para os deuses e de trazer para
si mesmo, seus amigos e sua cidade o máximo de
afeto, gloria e beneficio.
Xenofonte,
0 comandante da cavalaria


ANJOS NO ABSTRATO
Os próximos capítulos serão acerca daquelas forças psíquicas invisíveis
que nos apoiam e sustentam em nossa jornada para nós mesmos. Pretendo
usar termos como musas anjos.
Isso o incomoda?
Se assim for, tem minha permissão para pensar em anjos de forma
abstrata. Considere essas forças como sendo tão impessoais quanto a
gravidade. Talvez o sejam. Não é difícil acreditar que exista uma força em
cada grão, em cada semente, que os faz crescer e se desenvolver, é? Ou que
em cada gatinho ou potro haja um instinto que o impele a correr, brincar e
aprender.
Assim como a Resistência pode ser considerada pessoal (eu disse que a
Resistência "adora" isso ou aquilo ou "detesta" isso ou aquilo), também pode
ser vista como uma força da natureza tão impessoal quanto entropia ou
deterioração molecular.
Da mesma forma, a vocação para crescer pode ser idealizada como
pessoal (um espírito ou gênio, um anjo ou uma musa) ou como impessoal,
como as marés ou os trânsitos de Vênus. Funciona dos dois modos, desde que
estejamos à vontade com a ideia. No entanto, caso você não aceite bem a
ideia de outras dimensões em nenhuma forma, pense nela como "talento",
programado em nossos genes pela evolução.
O ponto, para a tese que procuro apresentar, é que há torças que podemos
considerar nossas aliadas.
Assim como a Resistência trabalha para nos impedir de nos
transformarmos naquilo que nascemos para ser, forcas iguais e contrárias
contrapõem-se a ela. São nossos aliados ê anjos.



Baixar 0.57 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   31   32   33   34   35   36   37   38   ...   54




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal