7ª e diç Ão atu aliz ada e a mp liada Atividade Física, Saúde Qualidade de Vida


Princípio da Progressão e da Continuidade



Baixar 6.47 Mb.
Pdf preview
Página78/244
Encontro04.08.2022
Tamanho6.47 Mb.
#24480
1   ...   74   75   76   77   78   79   80   81   ...   244
ATIVIDADE FÍSICA, SAUDE E QUALIDADE DE VIDA
3. Princípio da Progressão e da Continuidade
Para melhorar a condição funcional do organismo, ou parte dele, um pro-
grama de condicionamento físico deve estimular este organismo de maneira 
gradual e com regularidade. Se um mesmo nível de esforço é sempre repetido, 
o organismo se adapta a ele e deixa de progredir. Isto é mais importante para 
atletas e indivíduos interessados em desenvolver a aptidão física, sendo me-
nos relevante para a promoção da saúde, onde a regularidade da prática de 
atividades físicas gerais, que estimulem suficientemente o organismo, parece 
ser o mais importante. 
É importante lembrar, também, que os indivíduos não evoluem no mesmo 
ritmo (veja o princípio da individualidade) e atitudes competitivas entre pes-
soas de um mesmo grupo em atividade não devem ser encorajadas.
4. Princípio do Uso e do Desuso
O uso continuado de nossas funções estimula o aprimoramento dessas 
funções, enquanto o desuso promove a deterioração do organismo, como um 
todo ou em partes. Este princípio já fora observado pelos antigos gregos e a 
ciência moderna mostrou, inicialmente, sua importância para a performance 
esportiva e, de forma mais contundente, em relação à saúde. Como o efeito da 


C
a p
. 6 – o
r i E n t a ç õ E s
G
E r a i s
p a r a
a
p
r á t i C a
d E
E
x E r C í C i o s
128
atividade física não se mantém se esta for interrompida, vê-se a importância 
de um estilo de vida ativo por toda a vida.
5. Princípio da Especificidade
O desenvolvimento específico de cada componente da aptidão física é produ-
zido por tipos específicos de atividades físicas. Além do tipo de atividade, a 
combinação entre duração e intensidade também provoca adaptações espe-
cíficas em cada situação. Assim, os exercícios aeróbicos (caminhada, corrida 
ou ciclismo, em ritmos que permitam exercitar-se por dez minutos ou mais) 
desenvolvem preferencialmente a resistência cardiorrespiratória; exercícios de 
alongamento muscular melhoram a flexibilidade; exercícios com sobrecargas 
(pesos) desenvolvem a força e resistência muscular. Além disso, atividades que 
envolvem certas partes corporais ou enfatizam certos padrões de movimento, 
desenvolverão especificamente as características presentes nessas atividades.
É esse princípio que explica porque um campeão de ciclismo não tem, 
necessariamente, um grande desempenho numa corrida ou numa prova de 
natação. A especificidade das modalidades e do treinamento faz a diferença.
Para as pessoas em geral, a questão da especificidade é menos importante 
do que para atletas. Para quem se exercita para melhorar sua aptidão física e 
a saúde, é até interessante que se realizem atividades diversas, evitando-se a 
monotonia que pode existir na prática de uma só forma de exercício ou esporte.

Baixar 6.47 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   74   75   76   77   78   79   80   81   ...   244




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal