21370c-gpa acne na adolescencia indd



Baixar 186.06 Kb.
Pdf preview
Página1/28
Encontro12.12.2019
Tamanho186.06 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   28


Departamento Científico de Adolescência  •  Sociedade Brasileira de Pediatria

1

A acne é uma dermatose, conhecida por to-



dos os adolescentes que se queixam “dos cravos 

e das espinhas”, que dependendo da gravidade 

pode provocar baixa auto-estima, perda de au-

toconfiança, isolamento social e mesmo depres-

são. Por estas razões é importante a instituição 

de um tratamento adequado e precoce, que re-

duza a frequência e gravidade das exacerbações, 

bem como o número de cicatrizes, principalmen-

te quando localizada na face.

1-8


O  pediatra  é  o  profissional  responsável  pe-

los cuidados na transição da infância para ado-

lescência e vida adulta e deve estar atento às 

queixas visíveis, bem como perceber outras não 

mencionadas claramente nas consultas. Assim, 

suas condutas objetivam minimizar tanto os 

agravos estéticos como os emocionais da popu-

lação  adolescente,  pois  as  marcas  geradas  pela 

acne não ficam restritas à pele.

4

No intuito de melhorar a qualidade de vida 



dos adolescentes, a Sociedade Brasileira de Pe-

diatria traz uma atualização sobre Acne Juvenil 

com o objetivo de atualizar os pediatras para a 

intervenção adequada e acompanhamento desta 

dermatose tão frequente.

O Que é Acne?

A

  acne  é  uma  dermatose  inflamatória  dos 



folículos pilossebáceos que ocorre nos extremos 

da  idade  pediátrica  nos  recém-nascidos  (acne 

neonatal) e nos adolescentes (acne juvenil). Ra-

ramente é vista na infância (acne infantil) mas é 

extremamente comum na adolescência.

1-8


 A ação 

dos andrógenos maternos nas primeiras seis se-

manas  de  vida  é  responsável  pela  acne  neona-

tal, a infantil é mais comum em meninos entre 

o terceiro e sexto mês de vida, pelas secreções 

precoces de andrógenos gonadais.

1

A acne juvenil inicia-se na puberdade com 



prevalência máxima até o estágio IV de Tanner, 

por secreção gonadal de testosterona, tornando-

-se  menos  evidente  no  final  da  adolescência.

1-8


 




Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   28


©historiapt.info 2019
enviar mensagem

    Página principal