1984 Edição especial



Baixar 3.88 Mb.
Pdf preview
Página41/119
Encontro04.08.2022
Tamanho3.88 Mb.
#24481
1   ...   37   38   39   40   41   42   43   44   ...   119
1984 - Edicao especial - George Orwell
07 - Cronograma de Julho 2022
criminterrupção, negribranco e duplipensamento, em Novafala, o deixa
sem desejo nem capacidade de pensar muito profundamente em qualquer
assunto.


Espera-se que um membro do Partido não tenha emoções privadas nem
momentos de suspensão do entusiasmo. Supõe-se que ele viva num frenesi
contínuo de ódio aos inimigos estrangeiros e aos traidores internos, de
júbilo diante das vitórias e de autodepreciação diante do poder e da
sabedoria do Partido. A insatisfação produzida por sua vida despojada e
sem atrativos é deliberadamente voltada para o exterior e dissipada por
artifícios como os Dois Minutos de Ódio, e as especulações que talvez
pudessem induzir nele uma atitude cética ou rebelde são destruídas antes de
vir à tona graças a sua disciplina interna, adquirida em tenra idade. A
primeira etapa dessa disciplina, muito simples, que pode ser ensinada
inclusive a crianças pequenas, chama-se, em Novafala, criminterrupção.
Criminterrupção significa a capacidade de estacar, como por instinto, no
limiar de todo pensamento perigoso. O conceito inclui a capacidade de não
entender analogias, de deixar de perceber erros lógicos, de compreender
mal os argumentos mais simples, caso sejam antagônicos ao Socing, e de
sentir-se entediado ou incomodado por toda sequência de raciocínio capaz
de enveredar por um rumo herético. Em suma, criminterrupção significa
burrice protetora. Mas burrice não basta. Ao contrário, a ortodoxia em
sentido pleno exige um controle tão absoluto sobre os próprios processos
mentais quanto o do contorcionista sobre o próprio corpo. A sociedade
oceânica repousa, em última análise, na crença de que o Grande Irmão é
onipotente e o Partido infalível. Mas, dado que na realidade o Grande Irmão
não é onipotente e o Partido não é infalível, existe a necessidade de adotar-
se o tempo todo uma flexibilidade incessante no tratamento dos fatos. A
palavra-chave, no caso, é negribranco. Como tantas outras palavras em
Novafala, ela tem dois sentidos mutuamente contraditórios. Aplicada a um
adversário, alude ao hábito que esse adversário tem de afirmar
desavergonhadamente que o negro é branco, em contradição com os fatos
óbvios. Aplicada a um membro do Partido, manifesta a leal disposição de
afirmar que o negro é branco sempre que a disciplina do Partido o exigir.
Mas significa ao mesmo tempo a capacidade de acreditar que o negro é
branco e, mais, de saber que o negro é branco, e de esquecer que algum dia
julgou o contrário. Isso exige uma alteração contínua do passado, tornada
possível pelo sistema de pensamento que realmente abrange tudo o mais e
que é conhecido em Novafala como duplipensamento.


A modificação do passado é necessária por duas razões, uma das quais
secundária e, por assim dizer, preventiva. A razão secundária é que o
membro do Partido, tal como o proletário, tolera as condições vigentes em
Baixar 3.88 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   37   38   39   40   41   42   43   44   ...   119




©historiapt.info 2022
enviar mensagem

    Página principal