1 Graduado em Ciências Contábeis Faculdade ideau, Getúlio Vargas rs



Baixar 0.59 Mb.
Pdf preview
Página8/10
Encontro31.07.2022
Tamanho0.59 Mb.
#24392
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10
auditoria de estoques
projeto folclore
Produtos 
PV 
PC 
Cálculo MC= PV-PC-I 
MC R$ 
Maça Fuggi/ Kg 
R$ 1,99 
R$ 1,60 
1,99 – 1,60 
0,39 
Tomate Longa Vida / Kg 
R$ 2,28 
R$ 1,65 
2,28 – 1,65 
0,63 
Leite Bom Gosto Integral/ 1L 
R$ 1,98 
R$ 1,25 
1,98 – 1,25 
0,73 
Creme de Leite/Nata Saudável/ 350 gr 
R$ 2,99 
R$ 1,71 
2,99 – 1,71 
1,28 
Bolacha Corrieri Maria 
Chocolate/ 360 gr 
R$ 3,99 
R$ 1,84 
3,99 – 1,84 
2,15 
Suco Original Sollys/ 1L 
R$ 3,99 
R$ 1,82 
3,99 – 1,82 
2,17 
Leite Fermentado Activia Danone 
Danregularis/ 900 ml 
R$ 6,99 
R$ 4,50 
6,99 – 4,50 
2,49 
Farinha de trigo Sananduva/ 5 Kg 
R$ 7,49 
R$ 4,80 
7,49 – 4,80 
2,69 
Bolo Inglês de Chocolate/ Kg 
R$ 9,98 
R$ 6,84 
9,98 – 6,84 
3,04 
Arroz Tio João/ 5 Kg 
R$ 12,98 R$ 8,76 
12,98 – 8,76 
4,22 
Fonte: Autores do Trabalho 
Analisando o Quadro 1, pode-se concluir que, entre os dez (10) produtos que tiveram 
a sua Margem de Contribuição calculada, a Maça Fuggi foi a que apresentou a menor 
margem, sendo esta, portanto, o produto que menos contribui para o rendimento da empresa. 
A bolacha, que possuía seu preço normal de tabela R$ 3,99, passou a ser 
comercializada por R$ 1,99. Aplicando os valores de promoção da Bolacha Corrieri na 
fórmula da MC, obtêm-se: 
MC = PV – PC – I MC = 1,99 – 1,84 MC = 0,15 
Nota-se que a Margem de Contribuição da Bolacha Corrieri, elaborada com os 
valores da promoção, é menor que a contribuição da Maça Fuggi. Observa-se, então, nesta 
situação, a Bolacha Corrieri passou a ser a que menos contribui para o rendimento da 
organização; porém, isso aconteceu somente pelo fato de esse produto estar na promoção, por 
isso, a Maça Fuggi mantém-se no menor nível de rendimento. 
Ainda observando o quadro, pôde-se notar que alguns produtos geraram menos 
rendimento para a organização, em diferentes setores; porém, se for analisado cada setor 
individualmente, é possível detectar que a fruteira é a responsável pela maior falta de 
rendimento, pois esse é o setor que possui produtos mais perecíveis do que qualquer outro da 
organização. 


13 
Dessa forma, a organização deve procurar atenuar as suas perdas, adquirindo seus 
produtos com consciência, priorizando a qualidade e a quantidade. Além disso, deve controlar 
os produtos que possuem menor saída, e ter cuidado com os que se deterioram com mais 
facilidade, como por exemplo, os da fruteira, diminuindo os custos para a empresa e 
aumentando seus rendimentos. 
4.4 FORMAS DE REDUZIR CUSTOS COM FUNCIONÁRIOS 
Segundo Michael Porter (1998), as empresas podem reduzir custos de duas formas
espontânea ou compulsoriamente. A forma espontânea é realizada antes de qualquer sinal de 
crise atingir a empresa e tem a intenção de conseguir uma vantagem competitiva; enquanto a 
forma compulsória é implantada durante uma crise financeira e o seu principal objetivo é a 
sobrevivência da empresa. É importante ressaltar que, no Supermercado, será implantada a 
forma espontânea de reduzir custos, visto que a empresa não se encontra na iminência de uma 
crise financeira. 
Através do estudo realizado no Supermercado, foi observado que o tempo de 
permanência nas dependências do estoque era maior, quando os funcionários não tinham o 
conhecimento de que estavam sendo cronometrados; no entanto, quando eles souberam que 
estavam sendo monitorados, o tempo diminuiu significativamente. O Quadro 2 demonstra o 
tempo que cada funcionário permaneceu no estoque, considerando as duas situações. Para tal 
operação, por uma questão de ética profissional, optou-se pelo sigilo quanto ao nome dos 
funcionários; por isso, foram numerados: 
Quadro 2 
Cronometragem dos Funcionários do Supermercado
Não Sabem 
Sabem 
Funcionários 
Entrada 
Saída 
Entrada 
Saída 
Funcionário 1 
14:53 
14:56 
08:45 
08:50 
Funcionário 2 
15:50 
16:09 
09:11 
09:17 
Funcionário 3 
16:30 
16:47 
10:30 
10:34 
Funcionário 4 
16:51 
17:05 
11:01 
11:06 
Funcionário 5 
17:22 
17:45 
11:32 
11:38 
Fonte: Autores do trabalho 
A questão a ser levantada, primeiramente, é entender o motivo pelo qual os 
funcionários, quando não sabiam que estavam sendo analisados, permaneciam mais tempo no 


14 
estoque? E a resposta, simples e objetiva, é que agiram assim por não haver ninguém que os 
acompanhe neste processo, alguém que responda diretamente por eles. Esses funcionários 
deveriam receber treinamentos para que, quando o responsável pelo setor cobrar os seus 
subordinados, eles possam estar aptos a cumprir suas obrigações. Além disso, é importante 
que os próprios funcionários tenham a quem se reportar para dar suas opiniões e sugestões e 
não somente aceitar e cumprir regras, pois talvez este tempo permanecido no estoque seja um 
refúgio para não vivenciarem situações desagradáveis dentro da loja. 
Outra maneira de reduzir o custo da organização é fazer com que um destes 
funcionários fique permanentemente no estoque, e que o pedido seja transmitido 
eletronicamente à área externa por este funcionário. Este processo diminuiria a perda de 
tempo e também auxiliaria no controle de fluxo de funcionários no estoque, permitindo 
somente o acesso de pessoas autorizadas no setor. 
Quando se fala em formas de redução de custos no setor de estoque, logo se pensa 
em reduzir despesas por meio de diminuição de preços e de quantidades dos produtos; porém, 
há outras formas de redução de gastos, como é o caso do melhor aproveitamento de tempo dos 
funcionários do estoque, demonstrado anteriormente. Em outras palavras, a importância que 
se dispensa ao quadro de funcionários como meio de diminuir os custos do setor de estoque 
de uma organização. 

Baixar 0.59 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10




©historiapt.info 2023
enviar mensagem

    Página principal